Prêmio Nobel da Paz é anunciado


Por Pedro Correa

 

Indiano Kailash Satyarthi e adolescente paquistanesa Malala Yousafzai. Foto divulgação.

Indiano Kailash Satyarthi e adolescente paquistanesa Malala Yousafzai. Foto divulgação.

A paquistanesa Malala Yousafzai de 17 anos, que foi baleada com um tiro na cabeça, em 2012 por extremistas Talibãs quando lutava contra o governo que rejeita a educação feminina, e o indiano Kailash Satyarthi de 60 anos ativista dos direitos humanos ganharam o prêmio Nobel da paz de 2014. Ambos lutam por educação e igualdade para todos.

A adolescente foi a pessoa mais jovem a receber o prêmio Nobel nos 114 anos de história da premiação. Malala também é autora do livro “Eu sou Malala” que conta a sua história e tudo o que ela passou para defender sua liberdade e as lutas contra o machismo de uma sociedade autoritária e extremamente retrógrada.

Kailash Satyarthi fundou a Bachpan Bachao Andolan (Movimento Salve a Infância) em 1980 e agiu para proteger os direitos das 80.000 crianças. Satyarthi destacou o trabalho infantil como uma questão de direitos humanos, bem como uma questão de bem-estar e causa de caridade. O indiano já ganhou outros prêmios pelo trabalho desempenhado em defesa dos direitos humanos em 2007 ganhou medalha de ouro do senado italiano, também em 2007 foi reconhecido na lista de heróis agindo para o final do dia da escravatura moderna.

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *