Brique da Vila Belga é alternativa de lazer em Santa Maria


Por Lilian Streb

 

Vila Belga é a primeira vila do interior do Rio Grande do Sul (Fotos: Francine Antunes/ Laboratório de Fotografia e Memória)

O Brique da Vila Belga é uma alternativa de lazer em Santa Maria, que ocorre no primeiro e no terceiro domingo de cada mês, das 16h às 20h no verão e das 17h às 19h no inverno, com recesso no mês de janeiro. Com o objetivo de socializar e promover o convívio entre os moradores do bairro e da cidade, o brique serve como atração para quem busca atividades que envolvam cultura e lazer.

Segundo Schirlei Stock, secretaria geral da Associação Brique da Vila Belga, só podem ser expostos produtos artesanais, gastronomia, brechós, sebos e antiguidades. Qualquer pessoa que tiver interesse em expor sua produção artesanal, pode participar. ‘’Após realizar o cadastro, as pessoas podem expor por duas vezes como expositor visitante, depois devem associar-se a Associação do Brique da Vila Belga’’, ressalta Schirlei.

O Brique da Vila Belga recebe muitos visitantes em suas edições. Por ser um movimento cultural público ao ar livre que promove apresentações, dança, chimarrão, rodas de conversas e intervenções artísticas com o público, além de gastronomia e artesanato. Neste espaço é possível que seja promovida a divulgação de artistas locais em um espaço de lazer oferecido de maneira gratuita para a população.

A expositora Lizandra Zemolin, 48, relata que começou recentemente a expor seus produtos na Vila Belga. ‘’Vendi muito bem no primeiro dia. Aproveitei para distribuir meus cartões de visita e realizar encomendas do meu trabalho. Exponho cuias, enfeites de chimarrão, doces e ainda aproveito as atrações’’, conta Lizandra.

Os domingos de brique têm atraído cada vez mais visitantes. A estudante Vanessa Nascimento, 26, relata que sempre que pode vai à Vila Belga. ‘’É impossível ficar em casa em domingos de sol sabendo que tem brique. Levo chimarrão, acompanho o trabalho dos expositores, compro quando posso e ainda curto as atrações’’, alegra-se Vanessa.

Quem deseja expor pela primeira vez deve preencher a ficha de cadastro, disponível com os coordenadores nos dias de brique ou na secretaria. Para expor, é necessário chegar com uma hora de antecedência para pagar a taxa correspondente e definir com o coordenador de área um espaço disponível. Os expositores devem respeitar as normas de funcionamento do brique.

Para apresentar atividade cultural, os interessados devem enviar e-mail para a coordenação cultural, pelo endereço cultural@briquedavilabelga.com.br. Saiba mais no blog.

 

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *