Campanha para ajudar creche do CDC Estação dos Ventos


Por Agência CentralSul de Notícias

 

A campanha de arrecadação integra as atividades da disciplina de Projeto de Extensão em Comunicação Comunitária II do curso de jornalismo, sob orientação da professora Rosana Zucolo.

Até o dia 02 de  maio estudantes do curso de jornalismo da Universidade Franciscana estão com uma campanha de arrecadação de doações para o Centro de Desenvolvimento Comunitário Estação dos Ventos, uma ONG  localizada no Km 3, na Vila Schirmer.  Trata-se de uma comunidade extremamente vulnerável, desprovida de infraestrutura, pavimentação, rede elétrica e saneamento básico.  A Organização atende  em torno de 60 crianças no turno inverso da escola e integra a iniciativa voltada às necessidades das famílias moradoras da região, na sua maior parte constituída por recicladores.

Os estudantes solicitam alimentos perecíveis e não perecíveis, materiais de higiene infantil, materiais de Primeiros Socorros, além de agasalhos de qualquer tamanho.  As caixas de coleta da campanha estão localizadas no saguão do prédio 16 do Conjunto III e no Conjunto I da Universidade Franciscana. Após o dia 02/05, haverá uma caixa para arrecadação no hall do prédio 14.

Estação dos Ventos: comunidade em construção

Em 2001 cerca de 290 famílias se instalaram na área de terras do Governo Federal, localizada no KM3 e cujo trâmite para a legalização das terras, não tendo uma data certa para ser concluída.  Quatro anos depois, em 2005, a comunidade havia crescido e as crianças estavam expostas aos riscos urbanos, ficando em casa sozinhos ou apenas cuidadas pelos irmãos mais velhos.

Um grupo de mães, convocadas pelo então líder comunitário Jan Carlos Ferreira Machado, acordou em fazer um rodízio para cuidar das crianças.  Enquanto uma trabalhava,  deixava o seu filho com outra mãe, em dias alternados. No entanto,  na medida em que as mães  conseguiam empregos fixos, desistiam do compromisso. Fabiana Machado, esposa de Jan Carlos, assumiu o grupo durante o seu período de férias e viu aproximar seu dia de voltar ao trabalho. Acompanhada apenas de sua enteada, estava cuidando de 16 pequenos de 0 a 6 anos. Decidiu, então, abandonar o emprego e assumir a coordenação do Projeto. Por dois anos, ela e o marido mantiveram o atendimento e a alimentação básica para as crianças. Em meio às dificuldades – as portas foram fechadas por três vezes -, as mães voltaram a se reunir e saíram em busca de parceiros. Assim, em 2006, a  Associação de Amigos do BOB , filantrópica, visitou o local e a ajuda começou a chegar. Logo em seguida, o Exército veio e mudou parte da estrutura que era de madeira para alvenaria e  refez toda parte frontal do prédio que abriga o projeto.

A partir de 2011, a Organização foi se configurando com a legalização oficial de documentos e agregando novas parcerias, dentre elas ONG- “Moradia e Cidadania”, que propiciou a ampliação e melhoria da estrutura física, bem como outros parceiros, doadores pessoa física/jurídica, através de campanhas de alimentação, Ação Social, doações de roupas entre outros benefícios para comunidade. Atualmente, a Instituição se mantém com voluntários, colaboradores , profissionais, constituído através de Projetos Sociais que auxiliam não só crianças com atividades culturais, mas realizam oficinas que auxiliam aos pais e mães a desenvolverem habilidades que os capacitem para o mercado de trabalho.

Hoje, a Estação dos Ventos mantém em torno de 60 crianças e oferece diversas oficinas para que os pequenos. Entre as atividades estão as aulas de capoeira, hip hop e yoga.  O projeto conta ainda com um refeitório, que será reformado. Há também a produção de artesanatos e organização de um brechó nos dias de eventos, como o risoto, realizado todos os meses.

 

Sobre o autor:

Agência CentralSul de Notícias

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *