Mostra de vivências internacionais movimenta a Unifra


Por Gabriela Gabbi

 

Gabriel Peres, coordenador da AIESEC. Foto: Fernando Cézar/ Assecom

A primeira edição do International Week no Centro Universitário Franciscano, além de fortalecer a cooperação internacional, também fomenta a cultura entre acadêmicos, docentes, mestrandos, doutorandos e residentes por meio da socialização entre vivências e experiências de pessoas que experientes no assunto.

No módulo sobre ‘’ Eu quero estudar em outro país: que passos seguir? ’’ o professor Rodrigo Jappe, coordenador do ARAI (Assessoria de Relações Acadêmicas Interinstitucionais), explicou o passo a passo esclarecedor sobre como realizar um intercâmbio pela UNIFRA. Segundo Jappe, o aluno regularmente matriculado, que tenha notas acima de 7, tenha proficiência em línguas estrangeiras (inglês, espanhol, francês ou alemão) e tenha cartas de recomendação de pelo menos dois docentes, está apto para concorrer com uma vaga. Quando selecionado pelo edital, o aluno não vai ter custos com mensalidade na nova universidade, isso devido aos convênios que a UNIFRA mantém com mais de 10 universidades ao redor do mundo, sendo disponibilizadas 40 vagas por semestre.  Mais informações disponíveis nos editais na página da UNIFRA.

Gabriel Peres, presidente da AIESEC Santa Maria, relata que para participar da AIESEC é necessário ter entre 18 e 30 anos e ser universitário (ou formado em, no máximo, 2 anos). Além disso, deve-se dominar o inglês e espanhol básico. ’Essas são orientações para todos os escritórios da nossa organização no Brasil. No entanto, os escritórios podem exigir outros requisitos do interessado’’, conta Gabriel. Mais informações no nosso site (SITE) ou direto no Facebook da AIESEC Santa Maria (link do fb)

Gabriel Santos, coordenador da EGALI Santa Maria, o objetivo da EGALI é oferecer suporte ao visto sem despachante, orientação pré-embarque completa e suporte durante todo o intercâmbio. Gabriel falou também sobre os cursos com trabalhos, cursos de idiomas em diversos lugares, como Dublin, Londres, Toronto, com plano de saúde e acomodações.

 

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *