Curtas-metragens produzidos na UFN concorrem ao troféu Vento Norte


Por Agência CentralSul de Notícias

 

Ainda há tempo para assistir os curta metragens que concorrem competem nas mostras Fundação Eny de Curtas-Metragens Brasileiros e Sinprosm de Curtas-Metragens de Santa Maria e Região no 14º Santa Maria Vídeo e Cinema. Eles estão disponíveis no  site www.smvc.com.br até as 23h59min de hoje, sexta-feira, 17, e concorrem nas categorias técnicas e disputam o prêmio do júri popular.

Entre os curtas concorrentes estão seis produções de alunos e ex-alunos da Universidade Franciscana, realizadas nos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, e na pós-graduação em Cinema. São eles:

Olhares do Rosário, documentário produzido em 2019 na disciplina de Cinema II do curso de Jornalismo,  e traz os diferentes olhares que refletem a memória e a trajetória do bairro Rosário, dirigido por Gabriele Bordin, Guilherme Superti, Milena Bittencourt e Tiago Teixeira.

Também na disciplina de Cinema II estão os curtas ficcionais A Visita, dirigido por Pietro de Athayde Gonçalves (2019) que narra a visita recebida por uma costureira, de uma velha conhecida e a nora desta, que está para se casar. A dupla contrata a tecelã para confeccionar o vestido do casamento. Por suas diferenças de idade e crença, as mulheres entram em um debate ideológico que permanece em constante empate dada a falta de voz da noiva.

Em ¼ de Memória dirigido por Natália Venturini ( 2019) uma carcereira trava um jogo de estratégia com sua prisioneira. Memórias, traumas e tabus se entrecruzam entre as grades da cela e o tabuleiro de xadrez, enquanto uma busca encontrar a outra para se libertar.

O curta Magnum Opus (Ficção, 2019), dirigido por Argos Miron, foi produzido na disciplina de Produção Audiovisual I, e conta história do artista Thomas que nunca deixou de buscar inspiração, independentemente das suas fontes. Na sua busca por uma cor mais vibrante em suas obras, porque o pigmento vermelho que ele usava não era o ideal para o contraste que buscava, descobre durante um surto, que a cor do sangue vivo era o que faltava para suas obras ficarem completas.

Todos concorrem ao Troféu Vento Norte e foram produzidos com apoio do LabSeis da UFN.

Já a ficção Beira-Mar (2020) dirigido por Pedro Pellegrini, foi produzido no curso de pós-graduação em Cinema da UFN, e traz o dilema de uma garota que  tem o carro quebrado durante uma viagem, e vai se deparar com três estranhos que podem conhecê-la melhor do que ela imagina. Embora as três pessoas tenham personalidades distintas, todas elas têm um aviso em comum: a garota precisa consertar o carro e seguir viagem antes que o dia termine, ou sua vida estará em risco.

A pós-graduação em Cinema traz ainda o documentário Um oito sete, dirigido por Daiana Schneider Vieira (2020) que aborda as desigualdades sociais e econômicas a partir do questionamento “O que você faria com R$ 187,00?”

O SMVC encerra amanhã. Ainda é possível votar nos seus curtas prediletos aqui: https://smvc14.com.br/votos

Sobre o autor:

Agência CentralSul de Notícias

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *