Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Anjos do Sol poderá representar o Brasil no Oscar

Anjos do Sol, o filme mais premiado em Gramado, disputa até amanhã, dia 11, uma vaga para representar o Brasil no Oscar, em Hollywood.

O filme Anjos do Sol do gaúcho Rudi Lagemann que dividiu o Kikito de melhor filme este ano em Gramado com "Serras da Desordem" de Andrea Tonacci é resultado de 9 anos de pesquisa sobre a prostituição infantil no Brasil e seu roteiro foi livremente inspirado em reportagens sobre o tema.

Anjos do Sol, rodado na Bahia, Amazônia e no Rio de Janeiro, narra a história de Maria (Fernanda Carvalho), uma menina de 12 anos, que é vendida pela própria família, e então enfrenta a triste realidade de não ter mais domínio sobre seu corpo. Maria passa a ser submetida até 30 programas em uma noite. Faz então algumas amizades e através delas tem raros momentos de cumplicidade e acolhida que a fazem perceber-se pessoa.
Segundo a crítica de cinema, Angélica Bito, http://br.cinema.yahoo.com/filme/13919/critica/9368) “Sensível, contundente e real, Anjos do Sol mostra não somente a miséria social, mas, principalmente, a humana, tornando-se uma das melhores produções brasileiras deste ano”.

O filme ganhou 6 Kikitos de Ouro no Festival de Gramado, nas categorias de Melhor Filme, Melhor Ator (Antônio Calloni), Melhor Ator Coadjuvante (Otávio Augusto), Melhor Atriz Coadjuvante (Mary Sheila), Melhor Roteiro e Melhor Edição, sendo o mais premiado neste ano durante o Festival.

A tensão agora é qual filme brasileiro deve ser indicado a concorrer ao Oscar. O MinC (Ministério da Cultura), por meio da Secretaria do Audiovisual, recebe até amanhã as inscrições para a seleção dos filmes. Pelas regras da Academia, cada país indica um filme, escolhido por uma comissão de seleção de seu próprio país, que concorrerá a uma vaga na lista dos cinco indicados ao 79º Oscar, na categoria de melhor filme de língua estrangeira. A comissão brasileira deste ano é formada por personalidades do cinema nacional. São eles: o cineasta Andrucha Waddington; a roteirista Carolina Kotscho; a diretora de festival e distribuidora Ilda Santiago; o cineasta, produtor e roteirista Jorge Bodansky; o produtor Moisés Augusto; o editor Ricardo Miranda e a cineasta Sandra Werneck. O resultado será divulgado no dia 20 de setembro.

 

  Para Marlene Vaz, socióloga, pesquisadora e co-autora do Plano Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (coordenado pelo Ministério da Justiça), “o filme "Anjos do Sol" sendo indicado pelo Brasil para o Oscar de Filme Estrangeiro dará visibilidade internacional a nossas meninas prostituídas e forçará o governo, a iniciativa privada e o cidadão comum não só a reconhecer que as relações de desigualdade social tornam as meninas pobres vulneráveis aos aliciadores e aos clientes, mas a se questionarem: O que eu posso fazer?".

A Folha Online está fazendo uma enquete para saber qual filme seus leitores gostariam que representasse o Brasil no Oscar. Para votar basta ir em: http://polls.folha.com.br/poll/0624201/

 A atriz Fernanda Carvalho e a socióloga Marlene Vaz durante o lançamento do filme Anjos do Sol  

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anjos do Sol, o filme mais premiado em Gramado, disputa até amanhã, dia 11, uma vaga para representar o Brasil no Oscar, em Hollywood.

O filme Anjos do Sol do gaúcho Rudi Lagemann que dividiu o Kikito de melhor filme este ano em Gramado com "Serras da Desordem" de Andrea Tonacci é resultado de 9 anos de pesquisa sobre a prostituição infantil no Brasil e seu roteiro foi livremente inspirado em reportagens sobre o tema.

Anjos do Sol, rodado na Bahia, Amazônia e no Rio de Janeiro, narra a história de Maria (Fernanda Carvalho), uma menina de 12 anos, que é vendida pela própria família, e então enfrenta a triste realidade de não ter mais domínio sobre seu corpo. Maria passa a ser submetida até 30 programas em uma noite. Faz então algumas amizades e através delas tem raros momentos de cumplicidade e acolhida que a fazem perceber-se pessoa.
Segundo a crítica de cinema, Angélica Bito, http://br.cinema.yahoo.com/filme/13919/critica/9368) “Sensível, contundente e real, Anjos do Sol mostra não somente a miséria social, mas, principalmente, a humana, tornando-se uma das melhores produções brasileiras deste ano”.

O filme ganhou 6 Kikitos de Ouro no Festival de Gramado, nas categorias de Melhor Filme, Melhor Ator (Antônio Calloni), Melhor Ator Coadjuvante (Otávio Augusto), Melhor Atriz Coadjuvante (Mary Sheila), Melhor Roteiro e Melhor Edição, sendo o mais premiado neste ano durante o Festival.

A tensão agora é qual filme brasileiro deve ser indicado a concorrer ao Oscar. O MinC (Ministério da Cultura), por meio da Secretaria do Audiovisual, recebe até amanhã as inscrições para a seleção dos filmes. Pelas regras da Academia, cada país indica um filme, escolhido por uma comissão de seleção de seu próprio país, que concorrerá a uma vaga na lista dos cinco indicados ao 79º Oscar, na categoria de melhor filme de língua estrangeira. A comissão brasileira deste ano é formada por personalidades do cinema nacional. São eles: o cineasta Andrucha Waddington; a roteirista Carolina Kotscho; a diretora de festival e distribuidora Ilda Santiago; o cineasta, produtor e roteirista Jorge Bodansky; o produtor Moisés Augusto; o editor Ricardo Miranda e a cineasta Sandra Werneck. O resultado será divulgado no dia 20 de setembro.

 

  Para Marlene Vaz, socióloga, pesquisadora e co-autora do Plano Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (coordenado pelo Ministério da Justiça), “o filme "Anjos do Sol" sendo indicado pelo Brasil para o Oscar de Filme Estrangeiro dará visibilidade internacional a nossas meninas prostituídas e forçará o governo, a iniciativa privada e o cidadão comum não só a reconhecer que as relações de desigualdade social tornam as meninas pobres vulneráveis aos aliciadores e aos clientes, mas a se questionarem: O que eu posso fazer?".

A Folha Online está fazendo uma enquete para saber qual filme seus leitores gostariam que representasse o Brasil no Oscar. Para votar basta ir em: http://polls.folha.com.br/poll/0624201/

 A atriz Fernanda Carvalho e a socióloga Marlene Vaz durante o lançamento do filme Anjos do Sol