Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Fotografia que vale por mil palavras

A jornalista Daniela Xú esteve presente na quinta-feira, dia 5, no Fórum de Comunicação Social da UNIFRA, ministrando um workshop de fotografia sobre “O diferencial na informação visual”.

Como introdução, Daniela exibiu fotos, que marcaram a história e que são do conhecimento de todos. A primeira foi uma 3X4, do guerrilheiro Che Guevara (1). Em seguida, uma foto que recebeu o prêmio Pulitzer, de autoria de Eddie Adams. Na segunda foto (2), um guerrilheiro vietnamita é morto com um tiro na cabeça. Na terceira, uma foto de Nick Ut (3), uma das imagens mais terríveis da Guerra do Vietnã. Na última exposição, Robert Capa e a polêmica foto de um jovem combatente, minutos antes de ser morto (4).

 1  2
3 4

Na segunda parte do workshop, os estudantes saíram pela cidade para colocar em prática o que tinham aprendido. Foram registrar a Feira do Livro de Santa Maria, na praça Sadanha Marinho. Elisa Fonseca, estudante do 5º semestre de jornalismo da UNIFRA, se mostrou interessada. “Adorei o workshop, foi de muita importância, principalmente pela parte prática”. De volta aos laboratórios, as fotos de cada aluno foram avaliadas por Daniela Xu, que expôs sua experiência, dando dicas de aperfeiçoamento.

Sempre em cumprimento ao factual, Daniela fala da importância de achar uma alternativa diferente para o que é sucessivamente igual, referindo-se a pautas que acontecem todos os anos, como Natal, Páscoa e volta às aulas.  “Tento mostrar os lados diferentes das mesmas coisas”, relata a fotógrafa. Como a tendência do jornalismo é de se trabalhar com pautas planejadas, até por causa da instantaneidade,  Daniela diz que o importante é encontrar “saídas” para as exigências e pedidos de pauta, usando a criatividade: “… passando, através da foto, um pensamento, uma idéia”, explica.

 Seu interesse pela fotografia começou quando conheceu o trabalho de um profissional do jornal Zero Hora, Nauro Júnior. Na faculdade, disse que sempre fez trabalhos em todas as áreas. Em 2005, ganhou o prêmio Massey Ferguson, com a foto para a matéria “Reflexo”, sobre a seca na região da serra do Rio Grande do Sul.

Ressaltando a importância de estar nos momentos certos, encerra sua apresentação com uma frase célebre do fotógrafo Robert Capa: “Se as suas fotos não estão boas é porque você não está perto o suficiente”.

Fotos: Núcleo de Fotografia e Memória – UNIFRA

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A jornalista Daniela Xú esteve presente na quinta-feira, dia 5, no Fórum de Comunicação Social da UNIFRA, ministrando um workshop de fotografia sobre “O diferencial na informação visual”.

Como introdução, Daniela exibiu fotos, que marcaram a história e que são do conhecimento de todos. A primeira foi uma 3X4, do guerrilheiro Che Guevara (1). Em seguida, uma foto que recebeu o prêmio Pulitzer, de autoria de Eddie Adams. Na segunda foto (2), um guerrilheiro vietnamita é morto com um tiro na cabeça. Na terceira, uma foto de Nick Ut (3), uma das imagens mais terríveis da Guerra do Vietnã. Na última exposição, Robert Capa e a polêmica foto de um jovem combatente, minutos antes de ser morto (4).

 1  2
3 4

Na segunda parte do workshop, os estudantes saíram pela cidade para colocar em prática o que tinham aprendido. Foram registrar a Feira do Livro de Santa Maria, na praça Sadanha Marinho. Elisa Fonseca, estudante do 5º semestre de jornalismo da UNIFRA, se mostrou interessada. “Adorei o workshop, foi de muita importância, principalmente pela parte prática”. De volta aos laboratórios, as fotos de cada aluno foram avaliadas por Daniela Xu, que expôs sua experiência, dando dicas de aperfeiçoamento.

Sempre em cumprimento ao factual, Daniela fala da importância de achar uma alternativa diferente para o que é sucessivamente igual, referindo-se a pautas que acontecem todos os anos, como Natal, Páscoa e volta às aulas.  “Tento mostrar os lados diferentes das mesmas coisas”, relata a fotógrafa. Como a tendência do jornalismo é de se trabalhar com pautas planejadas, até por causa da instantaneidade,  Daniela diz que o importante é encontrar “saídas” para as exigências e pedidos de pauta, usando a criatividade: “… passando, através da foto, um pensamento, uma idéia”, explica.

 Seu interesse pela fotografia começou quando conheceu o trabalho de um profissional do jornal Zero Hora, Nauro Júnior. Na faculdade, disse que sempre fez trabalhos em todas as áreas. Em 2005, ganhou o prêmio Massey Ferguson, com a foto para a matéria “Reflexo”, sobre a seca na região da serra do Rio Grande do Sul.

Ressaltando a importância de estar nos momentos certos, encerra sua apresentação com uma frase célebre do fotógrafo Robert Capa: “Se as suas fotos não estão boas é porque você não está perto o suficiente”.

Fotos: Núcleo de Fotografia e Memória – UNIFRA