Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Sem confusão no primeiro dia de vestibular da Unifra

 No primeiro dia do vestibular de verão, a manhã transcorre tranqüila no campus 1 da Unifra. Três  alunos "perdidos",  em locais  equivocados de provas, foram os  únicos contratempos até o momento, no vestibular do Centro Universitário Franciscano.

 A prova começava às 8h, mas a movimentação iniciou a partir das 7h. Nervosismo, medo e até incerteza foram as sensações descritas pelos candidatos. A maioria dos vestibulandos estava apreensiva com relação à redação:  " – Estou com medo da redação por ser o meu primeiro vestibular", disse Letícia Marcuzo de 16 anos.  As provas de  física que está acontecendo hoje e as de química e matemática também são preocupação dos entrevistados. 

Algumas mães vieram acompanhar os filhos para dar um incentivo. Enquanto os candidatos realizam as provas, as que resolveram  esperá-los, ficaram pelo campus. Elas dizem reviver o seu tempo de vestibular. A  ansiedade toma conta e para aliviar a tensão, muitas  pedem ajuda divina e rezam na capela da instituição.

Os alunos que se "perderam" foram levados pelos fiscais até o local onde realizariam as provas, logo após o início das mesmas.

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 No primeiro dia do vestibular de verão, a manhã transcorre tranqüila no campus 1 da Unifra. Três  alunos "perdidos",  em locais  equivocados de provas, foram os  únicos contratempos até o momento, no vestibular do Centro Universitário Franciscano.

 A prova começava às 8h, mas a movimentação iniciou a partir das 7h. Nervosismo, medo e até incerteza foram as sensações descritas pelos candidatos. A maioria dos vestibulandos estava apreensiva com relação à redação:  " – Estou com medo da redação por ser o meu primeiro vestibular", disse Letícia Marcuzo de 16 anos.  As provas de  física que está acontecendo hoje e as de química e matemática também são preocupação dos entrevistados. 

Algumas mães vieram acompanhar os filhos para dar um incentivo. Enquanto os candidatos realizam as provas, as que resolveram  esperá-los, ficaram pelo campus. Elas dizem reviver o seu tempo de vestibular. A  ansiedade toma conta e para aliviar a tensão, muitas  pedem ajuda divina e rezam na capela da instituição.

Os alunos que se "perderam" foram levados pelos fiscais até o local onde realizariam as provas, logo após o início das mesmas.