Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Massacre no Timor

Com o ciclo deste mês, "No cerne do afeto", o Cineclube Lanterninha Aurélio apresenta na sessão de amanhã o documentário "Timor Leste – O massacre que o mundo não viu" com roteiro de Pedro Henrique Neschling e Lucélia Santos.

O documentário relata a história recente do Timor Leste, ex-colônia portuguesa na Ásia. Após se livrar do domínio português, em 1975, o país foi invadido pela vizinha Indonésia, que durante os 25 anos seguintes promoveu o massacre de cerca de um terço da população local.

O drama do povo timorense nunca recebeu a devida atenção da comunidade internacional. Em 1999, após um plebiscito supervisionado pela ONU, foi confirmada a autonomia da região. Ao deixarem o novo Estado, as tropas indonésias vandalizaram 99% do território.

A diretora e sua equipe chegaram ao Timor Leste um ano depois e registraram por um mês a nova realidade.

As sessões e debates do Cineclube Aurélio ocorrem todas as quartas-feiras, às 19 horas, no Auditório João Miguel de Souza, no Centro Cultural Cesma, 3° andar – Rua Professor Braga, 55.

A entrada é franca.

Colaboração: Cineclube Lanterninha Aurélio

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com o ciclo deste mês, "No cerne do afeto", o Cineclube Lanterninha Aurélio apresenta na sessão de amanhã o documentário "Timor Leste – O massacre que o mundo não viu" com roteiro de Pedro Henrique Neschling e Lucélia Santos.

O documentário relata a história recente do Timor Leste, ex-colônia portuguesa na Ásia. Após se livrar do domínio português, em 1975, o país foi invadido pela vizinha Indonésia, que durante os 25 anos seguintes promoveu o massacre de cerca de um terço da população local.

O drama do povo timorense nunca recebeu a devida atenção da comunidade internacional. Em 1999, após um plebiscito supervisionado pela ONU, foi confirmada a autonomia da região. Ao deixarem o novo Estado, as tropas indonésias vandalizaram 99% do território.

A diretora e sua equipe chegaram ao Timor Leste um ano depois e registraram por um mês a nova realidade.

As sessões e debates do Cineclube Aurélio ocorrem todas as quartas-feiras, às 19 horas, no Auditório João Miguel de Souza, no Centro Cultural Cesma, 3° andar – Rua Professor Braga, 55.

A entrada é franca.

Colaboração: Cineclube Lanterninha Aurélio