Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

FEISMA: Saborear um alimento saudável

 Consumir um alimento saudável. Inspecionado. Com selo de qualidade.  Esse é o papel buscado pelos Apicultores da Região Centro do Rio Grande do Sul.  Os visitantes da feira podem degustar o mel no estande do Pavilhão Morotin.

 Seis municípios fazem parte da associação de apicultores. Destes, três possuem o mel inspecionado: Santa Maria, Santiago e Cachoeira do Sul. A integrante da associação de Cachoeira do Sul (ACAPI), Helenara da Rosa, informa a importância de o consumidor adquirir um produto de qualidade, independente da marca. E para divulgar, os associados realizam jantar do mel, participam de feiras, exposições, distribuem cartilhas em escolas municipais e livros de receita. Ela considera o mel como alimento e não mais como remédio, por ser colocado na colher. “Se usa o produto no pão, em receitas, em pratos”.

O projeto de Apicultores da Região Centro está vinculado ao Programa Juntos Para Competir – Ação Integrada em Agronegócios, do SEBRAE.

 Para o gestor de projetos da SEBRAE, Márcio José Rebelato, a empresa oferece apoio à inspeção do mel, capacitação, técnicas de manejo da abelha, qualificação de atendimento. 

 O integrante da ACAPI de Cachoeira do Sul, Paulo Figueiró, afirma que o objetivo é prestar esclarecimento sobre o produto à população e formar pessoas conscientes.

 

 

 

 

Fotos: Douglas Menezes (Laboratório de Fotografia e Memória)

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 Consumir um alimento saudável. Inspecionado. Com selo de qualidade.  Esse é o papel buscado pelos Apicultores da Região Centro do Rio Grande do Sul.  Os visitantes da feira podem degustar o mel no estande do Pavilhão Morotin.

 Seis municípios fazem parte da associação de apicultores. Destes, três possuem o mel inspecionado: Santa Maria, Santiago e Cachoeira do Sul. A integrante da associação de Cachoeira do Sul (ACAPI), Helenara da Rosa, informa a importância de o consumidor adquirir um produto de qualidade, independente da marca. E para divulgar, os associados realizam jantar do mel, participam de feiras, exposições, distribuem cartilhas em escolas municipais e livros de receita. Ela considera o mel como alimento e não mais como remédio, por ser colocado na colher. “Se usa o produto no pão, em receitas, em pratos”.

O projeto de Apicultores da Região Centro está vinculado ao Programa Juntos Para Competir – Ação Integrada em Agronegócios, do SEBRAE.

 Para o gestor de projetos da SEBRAE, Márcio José Rebelato, a empresa oferece apoio à inspeção do mel, capacitação, técnicas de manejo da abelha, qualificação de atendimento. 

 O integrante da ACAPI de Cachoeira do Sul, Paulo Figueiró, afirma que o objetivo é prestar esclarecimento sobre o produto à população e formar pessoas conscientes.

 

 

 

 

Fotos: Douglas Menezes (Laboratório de Fotografia e Memória)