Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Pintura? Não, é adesivo!

 Paredes, espelhos, box, notebooks, pisos. O local não importa, pois a ordem é colar. Os adesivos invadiram o espaço da decoração e garantem um diferencial para aqueles que gostam de inovar.  O diferencial do produto oferecido pela empresa W3marias chamou a atenção do público que passou pelo pavilhão Minuano na Feisma.

A criatividade das designers Camila Balbé, 24 anos, e Dariana do Canto, 26 anos, deu origem ao empreendimento. De criadoras de páginas na internet, a dupla foi além e se transformou em uma das pioneiras desse mercado de adesivos de parede no Brasil.

 A idéia era fazer uma decoração diferente. O caminho até os adesivos foi repleto de imaginação. Pensaram em criar adesivos para vinil, mas o trabalho já era executado por uma empresa francesa. Na especialização em Arte e Visualidade, de Camila, surgiram os cartazes de rua. Os primeiros a fazerem encomendas foram os amigos, mas com o tempo a serigrafia de papel impossibilitou a continuidade da arte. Depois dessas experiências, nasceram os adesivos.

 

Animais, natureza, corações, símbolos místicos. Tudo pode ser transformado em colagem. As profissionais produzem várias categorias e pedidos especiais como a reprodução de fotografias e frases.  “A criação é influenciada pelo gosto pessoal, como as pin-ups, mas varia conforme o mercado”, explica Dariana. “As borboletas são os desenhos que mais agradam”, complementa Camila.

 

 A professora Janilse Vasconcelos conheceu a firma através de um programa televisivo e amou o que viu. “Fiquei impressionada em saber que eram de Santa Maria e eu não conhecia”, comenta. Janilse aproveitou a feira para encomendar alguns adesivos personalizados.

 

 O trabalho das gaúchas se expande para outros Estados através do site.

Os maiores clientes são de São Paulo e Rio de Janeiro. Foi a partir deles que veio a necessidade de compor embalagens de envio. As caixas são um show à parte. Estilosas, trazem impressos os afrescos das artistas.

 

Há apenas três meses se dedicando por completo aos adesivos, Camila e Dariana colecionam histórias. O pedido mais diferente veio de um cinéfilo que pediu um ambiente composto por características de cinema.  As designers inventaram um projeto cheio de vibração, com câmera, cameraman e público.

A duração dos adesivos varia conforme o tipo de superfície e utilização, mas a validade é de cinco anos. As invenções que podem ocupar o espaço de móveis e quadros podem ser encontradas a partir de R$ 35,00 no escritório, localizado na rua Dr. Alberto Pasqualini  111, e no site . O contato é: (55) 3027-3337. 

 

Fotos: Douglas Menezes (Laboratório de Fotografia e Memória)

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 Paredes, espelhos, box, notebooks, pisos. O local não importa, pois a ordem é colar. Os adesivos invadiram o espaço da decoração e garantem um diferencial para aqueles que gostam de inovar.  O diferencial do produto oferecido pela empresa W3marias chamou a atenção do público que passou pelo pavilhão Minuano na Feisma.

A criatividade das designers Camila Balbé, 24 anos, e Dariana do Canto, 26 anos, deu origem ao empreendimento. De criadoras de páginas na internet, a dupla foi além e se transformou em uma das pioneiras desse mercado de adesivos de parede no Brasil.

 A idéia era fazer uma decoração diferente. O caminho até os adesivos foi repleto de imaginação. Pensaram em criar adesivos para vinil, mas o trabalho já era executado por uma empresa francesa. Na especialização em Arte e Visualidade, de Camila, surgiram os cartazes de rua. Os primeiros a fazerem encomendas foram os amigos, mas com o tempo a serigrafia de papel impossibilitou a continuidade da arte. Depois dessas experiências, nasceram os adesivos.

 

Animais, natureza, corações, símbolos místicos. Tudo pode ser transformado em colagem. As profissionais produzem várias categorias e pedidos especiais como a reprodução de fotografias e frases.  “A criação é influenciada pelo gosto pessoal, como as pin-ups, mas varia conforme o mercado”, explica Dariana. “As borboletas são os desenhos que mais agradam”, complementa Camila.

 

 A professora Janilse Vasconcelos conheceu a firma através de um programa televisivo e amou o que viu. “Fiquei impressionada em saber que eram de Santa Maria e eu não conhecia”, comenta. Janilse aproveitou a feira para encomendar alguns adesivos personalizados.

 

 O trabalho das gaúchas se expande para outros Estados através do site.

Os maiores clientes são de São Paulo e Rio de Janeiro. Foi a partir deles que veio a necessidade de compor embalagens de envio. As caixas são um show à parte. Estilosas, trazem impressos os afrescos das artistas.

 

Há apenas três meses se dedicando por completo aos adesivos, Camila e Dariana colecionam histórias. O pedido mais diferente veio de um cinéfilo que pediu um ambiente composto por características de cinema.  As designers inventaram um projeto cheio de vibração, com câmera, cameraman e público.

A duração dos adesivos varia conforme o tipo de superfície e utilização, mas a validade é de cinco anos. As invenções que podem ocupar o espaço de móveis e quadros podem ser encontradas a partir de R$ 35,00 no escritório, localizado na rua Dr. Alberto Pasqualini  111, e no site . O contato é: (55) 3027-3337. 

 

Fotos: Douglas Menezes (Laboratório de Fotografia e Memória)