Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

No Dia da Mentira, a luta é pela verdade

 Jornalistas de todo o Brasil não vão comemorar com tranquilidade o próximo dia 7, que marca o Dia do Jornalismo. Em 1º de abril, entra na pauta do Supremo Tribunal Federal (STF) o recurso extraordinário RE 511961, o qual prevê o fim da obrigatoriedade do diploma de Jornalismo para o exercício da categoria.

 
Enquanto a questão será discutida a portas fechadas em Brasília, diversas manifestações em defesa pelo diploma estão previstas pelo país. No Rio Grande Sul, o ato ocorrerá em Porto Alegre, dia 31, terça-feira, às 10h, na Praça da Matriz. Com o apoio do Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Sul e da Federação Nacional dos Jornalistas, os integrantes do Núcleo de Estudantes do Sindicato e o Movimento Jornalistas por Formação RS organizam um grande protesto na capital, onde participam acadêmicos de várias instituições do Estado. 
 
Outra questão pertinente à profissão é a revisão das diretrizes curriculares do curso de Jornalismo. A comissão de especialistas, formada para estudar o currículo, vai debater em audiências públicas questões relevantes do curso como a qualidade de ensino, criação de regras permanentes para estágios dos estudantes, condições de trabalho e incentivo a novos mecanismos legais de acesso das universidades à mídia (rádio e televisão).
 
Após as pautas abertas no Dia da Mentira, será que a verdade e a qualidade de informação vão sobreviver no Jornalismo? Não perca o deadline dessa polêmica!

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 Jornalistas de todo o Brasil não vão comemorar com tranquilidade o próximo dia 7, que marca o Dia do Jornalismo. Em 1º de abril, entra na pauta do Supremo Tribunal Federal (STF) o recurso extraordinário RE 511961, o qual prevê o fim da obrigatoriedade do diploma de Jornalismo para o exercício da categoria.

 
Enquanto a questão será discutida a portas fechadas em Brasília, diversas manifestações em defesa pelo diploma estão previstas pelo país. No Rio Grande Sul, o ato ocorrerá em Porto Alegre, dia 31, terça-feira, às 10h, na Praça da Matriz. Com o apoio do Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Sul e da Federação Nacional dos Jornalistas, os integrantes do Núcleo de Estudantes do Sindicato e o Movimento Jornalistas por Formação RS organizam um grande protesto na capital, onde participam acadêmicos de várias instituições do Estado. 
 
Outra questão pertinente à profissão é a revisão das diretrizes curriculares do curso de Jornalismo. A comissão de especialistas, formada para estudar o currículo, vai debater em audiências públicas questões relevantes do curso como a qualidade de ensino, criação de regras permanentes para estágios dos estudantes, condições de trabalho e incentivo a novos mecanismos legais de acesso das universidades à mídia (rádio e televisão).
 
Após as pautas abertas no Dia da Mentira, será que a verdade e a qualidade de informação vão sobreviver no Jornalismo? Não perca o deadline dessa polêmica!