Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Campanha para doador de medula óssea mobiliza cidade

Associação
de Apoio a Pessoas com Câncer (AAPECAN) realizou nesse sábado
uma campanha para conseguir doadores voluntários de medula óssea.

A
campanha, promovida pela AAPECAN e pelo Hemocentro Regional de Santa
Maria, tinha como finalidade estimular a doação voluntária de medula
óssea e esclarecer a população sobre como e quem pode doar. O evento ocorreu na praça Saldanha Marinho, mas a doação
doação pode ser feita no Hemocentro todos os dias.

“A
população está comparecendo. Para fazer a doação a pessoa precisa ter
entre 18 e 54 anos, estar em bom estado de saúde e não ter doença
infectocontagiosa. A doação acontece em três etapas. Se houver
compatibilidade serão realizados outros exames e a pessoa será convidada a
doar”, afirma Maria Cristina de Freitas, enfermeira do Hemocentro
Regional de Santa Maria.

Veja como funciona:

– É preciso ter entre 18 e 54 anos;

– Será retirada uma pequena quantidade de sangue;

– Seu sangue será tipado por exame de Histocompatibilidade (HLA), um teste de laboratório para identificar sua genética;

– Seu tipo de HLA será colocado em cadastro;

– Se você for compatível com o paciente, outros exames de sangue serão necessários;

– Se a compatibilidade for confirmada, você será consultado para decidir quanto à doação. Seu atual estado será avaliado.

O que é medula óssea

É encontrada no interior dos ossos, produz componentes do sangue,
incluindo células brancas, agentes mais importantes do sistema de defesa
do nosso organismo.

Qual a diferença entre medula óssea e medula espinhal?

 A
medula é um tecido líquido que ocupa a cavidade dos ossos, a medula
espinhal é formada de tecido nervoso que ocupa o espaço dentro da coluna
vertebral e tem como função transmitir impulsos nervosos, a partir do
cérebro, para todo o corpo.

Segundo a assistente social da AAPECAN, Liziane Saueressig, ainda há muitas dúvidas sobre como e quem pode realizar a doação.

Para mais informações acesse o site da Associação de Apoio a Pessoas com Câncer.

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Associação
de Apoio a Pessoas com Câncer (AAPECAN) realizou nesse sábado
uma campanha para conseguir doadores voluntários de medula óssea.

A
campanha, promovida pela AAPECAN e pelo Hemocentro Regional de Santa
Maria, tinha como finalidade estimular a doação voluntária de medula
óssea e esclarecer a população sobre como e quem pode doar. O evento ocorreu na praça Saldanha Marinho, mas a doação
doação pode ser feita no Hemocentro todos os dias.

“A
população está comparecendo. Para fazer a doação a pessoa precisa ter
entre 18 e 54 anos, estar em bom estado de saúde e não ter doença
infectocontagiosa. A doação acontece em três etapas. Se houver
compatibilidade serão realizados outros exames e a pessoa será convidada a
doar”, afirma Maria Cristina de Freitas, enfermeira do Hemocentro
Regional de Santa Maria.

Veja como funciona:

– É preciso ter entre 18 e 54 anos;

– Será retirada uma pequena quantidade de sangue;

– Seu sangue será tipado por exame de Histocompatibilidade (HLA), um teste de laboratório para identificar sua genética;

– Seu tipo de HLA será colocado em cadastro;

– Se você for compatível com o paciente, outros exames de sangue serão necessários;

– Se a compatibilidade for confirmada, você será consultado para decidir quanto à doação. Seu atual estado será avaliado.

O que é medula óssea

É encontrada no interior dos ossos, produz componentes do sangue,
incluindo células brancas, agentes mais importantes do sistema de defesa
do nosso organismo.

Qual a diferença entre medula óssea e medula espinhal?

 A
medula é um tecido líquido que ocupa a cavidade dos ossos, a medula
espinhal é formada de tecido nervoso que ocupa o espaço dentro da coluna
vertebral e tem como função transmitir impulsos nervosos, a partir do
cérebro, para todo o corpo.

Segundo a assistente social da AAPECAN, Liziane Saueressig, ainda há muitas dúvidas sobre como e quem pode realizar a doação.

Para mais informações acesse o site da Associação de Apoio a Pessoas com Câncer.