Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Novos talentos em quadra

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

No último sábado, 27 de novembro,
ocorreu a final do Campeonato Brasileiro de Basquete Sub-17 da 1ª divisão, no
ginásio do Clube Atlético Corintians, em Santa Maria. Organizado pela
Confederação Brasileira de Basquete (CBB), o torneio contou com a participação
de dez seleções, formadas pelos melhores jogadores de cada estado do Brasil.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

Regulamento

As dez
equipes foram divididas em dois grupos de cinco. As seleções jogam entre si nas
suas respectivas chaves. Os dois primeiros de cada grupo jogaram pela semifinal
(1ºA x 2ºB e 2ºA x 1ºB), enquanto os que ficaram na terceira e quarta posições
disputaram de 5º a 8º lugares (4ºA x 3ºB e 3ºA x 4ºB). Os três últimos
colocados disputam a segunda divisão do Brasileiro, em 2011.

Foram realizadas 28 partidas. E o
campeão deste ano foi a Seleção Paulista, que venceu todos os seus jogos. O Rio
Grande do Sul foi uma  das seleções
rebaixadas e vai disputar a segunda divisão em 2011.

 

Novos Talentos

O Brasileiro de Basquete Sub-17
não é apenas um torneio. É muito mais que isso. É o que explica o coordenador
geral de arbitragem da CBB, professor Marcelo Ávila. Todas as partidas são
filmadas e gravadas em DVD, os quais são repassados à comissão de arbitragem,
federações estaduais e servem de monitoramento desses novos jogadores pela CBB.

Este tipo de ação é parte do
projeto Acampamento Eletrobras, no qual a equipe de filmagem se desloca para
todas as competições da CBB, com equipamentos de filmagem e transmissão de
dados em tempo real. “Esta análise de vídeos segue os padrões da NBA, visando
melhorar o desempenho dos jogadores, árbitros e comissão técnica”, ressalta
Ávila. Ainda segundo ele, a CBB visa, com esse projeto, descobrir novos
talentos e moldá-los desde cedo para “quem sabe, um dia, se tornarem grandes
atletas”.

 

Fotos: Guilherme Kalsing (acadêmico de Jornalismo)

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

No último sábado, 27 de novembro,
ocorreu a final do Campeonato Brasileiro de Basquete Sub-17 da 1ª divisão, no
ginásio do Clube Atlético Corintians, em Santa Maria. Organizado pela
Confederação Brasileira de Basquete (CBB), o torneio contou com a participação
de dez seleções, formadas pelos melhores jogadores de cada estado do Brasil.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

Regulamento

As dez
equipes foram divididas em dois grupos de cinco. As seleções jogam entre si nas
suas respectivas chaves. Os dois primeiros de cada grupo jogaram pela semifinal
(1ºA x 2ºB e 2ºA x 1ºB), enquanto os que ficaram na terceira e quarta posições
disputaram de 5º a 8º lugares (4ºA x 3ºB e 3ºA x 4ºB). Os três últimos
colocados disputam a segunda divisão do Brasileiro, em 2011.

Foram realizadas 28 partidas. E o
campeão deste ano foi a Seleção Paulista, que venceu todos os seus jogos. O Rio
Grande do Sul foi uma  das seleções
rebaixadas e vai disputar a segunda divisão em 2011.

 

Novos Talentos

O Brasileiro de Basquete Sub-17
não é apenas um torneio. É muito mais que isso. É o que explica o coordenador
geral de arbitragem da CBB, professor Marcelo Ávila. Todas as partidas são
filmadas e gravadas em DVD, os quais são repassados à comissão de arbitragem,
federações estaduais e servem de monitoramento desses novos jogadores pela CBB.

Este tipo de ação é parte do
projeto Acampamento Eletrobras, no qual a equipe de filmagem se desloca para
todas as competições da CBB, com equipamentos de filmagem e transmissão de
dados em tempo real. “Esta análise de vídeos segue os padrões da NBA, visando
melhorar o desempenho dos jogadores, árbitros e comissão técnica”, ressalta
Ávila. Ainda segundo ele, a CBB visa, com esse projeto, descobrir novos
talentos e moldá-los desde cedo para “quem sabe, um dia, se tornarem grandes
atletas”.

 

Fotos: Guilherme Kalsing (acadêmico de Jornalismo)