Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

A cidade dança na Multifeira

feisma2011_dancacidade_rodrigo.jpgVisitantes da Feisma serão
artistas em ritmo. A
companhia de dança Dancidade faz da feira uma escola, com variados estilos de
dança, atividades aeróbicas e terapêuticas.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

A companhia apresenta atividades
para todas as idades, dando harmonia ao Pavilhão Imembuí. A secretária
Gabriella Bonacorso expõe a programação do estande e revela que professores da
academia prepararam uma programação de flash
mob’s
para a feira, onde visitantes serão surpreendidos por muita dança nos
corredores da Feisma.

Dançarina de ballet desde os dois anos, Laura Colusso, de 9 anos, conta que
aderiu a novos ritmos, como o street dance,
aos 5 anos. Intitulada “Garota Dancidade” deste ano, Laura comenta sua
trajetória de palco: “às vezes eu fico nervosa porque tem muita gente e eu fico
com vergonha”, confessa.  

feisma2011_dancacidade2_rodrigo.jpgVisto como uma celebridade na
equipe, Jean Mendes, 18 anos, campeão do Festival de Dança de Joinville, é o
atual professor de danças urbanas.  Mendes
ingressou no rumo dos palcos em 2007, no grupo de dança do Colégio Estadual
Olavo Bilac. Ele conta que o Estúdio de Danças Thais Muler e a Duo Mendes Companhia
fizeram sua trajetória.

Lívia Tomaz, 25 anos, educadora
física, é especialista em dança clássica e jazz. Professora da escola, Lívia
ensina do nível iniciante ao avançado. De acordo com ela, visitantes que
tiverem interesse terão acesso às aulas. Ao trazer turmas de forró e ballet
para a feira, Lívia explica que “o pessoal pode vir assistir e participar com
quem veio fazer a aula”.

 

Fotos: Rodrigo Gonçalves (acadêmico de Jornalismo / Laboratório de Fotografia e Memória – Unifra)


LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

feisma2011_dancacidade_rodrigo.jpgVisitantes da Feisma serão
artistas em ritmo. A
companhia de dança Dancidade faz da feira uma escola, com variados estilos de
dança, atividades aeróbicas e terapêuticas.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

A companhia apresenta atividades
para todas as idades, dando harmonia ao Pavilhão Imembuí. A secretária
Gabriella Bonacorso expõe a programação do estande e revela que professores da
academia prepararam uma programação de flash
mob’s
para a feira, onde visitantes serão surpreendidos por muita dança nos
corredores da Feisma.

Dançarina de ballet desde os dois anos, Laura Colusso, de 9 anos, conta que
aderiu a novos ritmos, como o street dance,
aos 5 anos. Intitulada “Garota Dancidade” deste ano, Laura comenta sua
trajetória de palco: “às vezes eu fico nervosa porque tem muita gente e eu fico
com vergonha”, confessa.  

feisma2011_dancacidade2_rodrigo.jpgVisto como uma celebridade na
equipe, Jean Mendes, 18 anos, campeão do Festival de Dança de Joinville, é o
atual professor de danças urbanas.  Mendes
ingressou no rumo dos palcos em 2007, no grupo de dança do Colégio Estadual
Olavo Bilac. Ele conta que o Estúdio de Danças Thais Muler e a Duo Mendes Companhia
fizeram sua trajetória.

Lívia Tomaz, 25 anos, educadora
física, é especialista em dança clássica e jazz. Professora da escola, Lívia
ensina do nível iniciante ao avançado. De acordo com ela, visitantes que
tiverem interesse terão acesso às aulas. Ao trazer turmas de forró e ballet
para a feira, Lívia explica que “o pessoal pode vir assistir e participar com
quem veio fazer a aula”.

 

Fotos: Rodrigo Gonçalves (acadêmico de Jornalismo / Laboratório de Fotografia e Memória – Unifra)