Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Grupo estuda medidas para inibir consumo de bebidas alcoólicas

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Organizadores e apoiadores da 1ª Semana Municipal de Combate
ao Consumo de Bebidas Alcoólicas, Cigarros e Congêneres
reuniram-se, na manhã
desta quarta-feira (17), na Câmara de Vereadores, para estudar medidas que
restrinjam o consumo de bebidas alcoólicas e reduzam a violência em Santa Maria. Sugestões
de políticas públicas para restringir disponibilidade de bebidas alcoólicas
serão apresentadas ao Executivo Municipal em reunião agendada para a próxima
quarta-feira, 24 de agosto.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Cancelamento de alvarás concedidos a bares e distribuidores
de bebidas localizados a menos de 200 metros de estabelecimentos de ensino e a
exigência de apresentação de carteira de identidade para aquisição de bebidas
alcoólicas são algumas das medidas a serem sugeridas ao Executivo Municipal,
conforme explicou a promotora de Justiça, Ivanise Jann de Jesus. “Elencamos uma
série de medidas, entre elas, a fiscalização de bares próximos às escolas e
estabelecimentos de ensino. Nós queremos que seja cumprida legislação
municipal, que prevê distância mínima de 200 metros. Além disso,
estamos propondo restrição do uso do álcool entre duas e seis horas da manhã.
Ou seja, não poderá ser vendida bebida alcoólica entre duas e seis horas da
manhã em nenhum estabelecimento comercial”, destacou a promotora.

A presidente da Câmara, vereadora Sandra Rebelato, destacou
que há uma rede de entidades e pessoas apoiadoras de medidas para reduzir
consumo de bebidas alcoólicas e, por consequência, diminuir a violência na
cidade. “Vamos apresentar projeto instituindo política municipal de combate ao
consumo de bebidas alcoólicas”, enfatizou.

Além das vereadoras Sandra Rebelato e Maria de Lourdes
Castro, participaram da reunião representantes do Conselho Municipal de
Entorpecentes e do projeto Vida Urgente.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa
Câmara de Vereadores de Santa
Maria – RS
(55) 3220-7252
imprensa@camara-sm.rs.gov.br

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Organizadores e apoiadores da 1ª Semana Municipal de Combate
ao Consumo de Bebidas Alcoólicas, Cigarros e Congêneres
reuniram-se, na manhã
desta quarta-feira (17), na Câmara de Vereadores, para estudar medidas que
restrinjam o consumo de bebidas alcoólicas e reduzam a violência em Santa Maria. Sugestões
de políticas públicas para restringir disponibilidade de bebidas alcoólicas
serão apresentadas ao Executivo Municipal em reunião agendada para a próxima
quarta-feira, 24 de agosto.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Cancelamento de alvarás concedidos a bares e distribuidores
de bebidas localizados a menos de 200 metros de estabelecimentos de ensino e a
exigência de apresentação de carteira de identidade para aquisição de bebidas
alcoólicas são algumas das medidas a serem sugeridas ao Executivo Municipal,
conforme explicou a promotora de Justiça, Ivanise Jann de Jesus. “Elencamos uma
série de medidas, entre elas, a fiscalização de bares próximos às escolas e
estabelecimentos de ensino. Nós queremos que seja cumprida legislação
municipal, que prevê distância mínima de 200 metros. Além disso,
estamos propondo restrição do uso do álcool entre duas e seis horas da manhã.
Ou seja, não poderá ser vendida bebida alcoólica entre duas e seis horas da
manhã em nenhum estabelecimento comercial”, destacou a promotora.

A presidente da Câmara, vereadora Sandra Rebelato, destacou
que há uma rede de entidades e pessoas apoiadoras de medidas para reduzir
consumo de bebidas alcoólicas e, por consequência, diminuir a violência na
cidade. “Vamos apresentar projeto instituindo política municipal de combate ao
consumo de bebidas alcoólicas”, enfatizou.

Além das vereadoras Sandra Rebelato e Maria de Lourdes
Castro, participaram da reunião representantes do Conselho Municipal de
Entorpecentes e do projeto Vida Urgente.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa
Câmara de Vereadores de Santa
Maria – RS
(55) 3220-7252
imprensa@camara-sm.rs.gov.br