Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Procura por imóveis segue estável em Santa Maria

A procura por aluguéis se concentra em torno das instituições de ensino. Foto: arquivo ACS.
A procura por aluguéis se concentra em torno das instituições de ensino. Foto: arquivo ACS.

A cidade de Santa Maria recebe anualmente muitos estudantes vindos de todos os lugares do Estado, o que fortalece o mercado imobiliário o qual apresentou um crescimento significativo nos últimos anos.

A equipe da ACS conversou com o setor imobiliário local. Segundo o corretor de imóveis Dagoberto Rechia ‘’Os valores dos imóveis para venda no ano de 2015 estão estabilizados. As vendas ocorrem de acordo com a necessidade, o que tinha que subir já foi reajustado. O preço vem sendo mantido. O mercado não está aquecido, mas tudo depende das propostas.” Rechia afirma ainda que  em relação ao ano de 2014 os valores estão equilibrados, pois o preço dos imóveis subiu muito naquele período, principalmente  em Santa Maria. Atualmente o mercado imobiliário encontra-se estagnado, mantendo o preço.

De acordo com Dagoberto, as vendas se dividem bem durante todo o ano, não existindo uma relação direta dos resultados dos vestibulares com a quantidade de vendas. Para ele,  as vendas são gradativas. As regiões mais caras são o centro e o Rosário, onde se encontra a Unifra. Já na região da Fadisma, os preços são menores. ” Em geral, a compra não vem por parte de estudantes. Eles vem mais para aluguéis. A compra é mais burocrática se for financiado, mas a compra direta é bastante simples”, diz.

No tocante aos aluguéis, a assessora de vendas Giulia Cancian  afirma que não houve muita variação neste ano quando comparado a 2014.  Em média  cerca de cinquenta reais devido ao reajuste do índice geral de preços do mercado, o IGPM. Para ela, a procura se manteve equilibrada, tanto para venda quanto para locação. ‘’Os alunos  de cursinho geralmente  optam mais pelo  aluguel. Já os que estão ingressando na faculdade tem procurado a compra, pois vale mais a pena devido ao tempo de estada na cidade’’, afirma ela.

Cancian também afirma que as regiões mais caras se concentram no centro, mais especificamente perto da UNIFRA e dos cursinhos pré-vestibulares. Em Camobi, nos locais mais próximos da UFSM, o valor também é um pouco mais alto. Os locais mais procurados são nas ruas Floriano Peixoto, Bozano, Andradas, Silva Jardim, Conde de Porto Alegre. “Esses locais são mais acessíveis e próximos de tudo, e concentra mais a procura por locação. Hoje não temos mais tanto problema com fiadores. A locação geralmente não é difícil. Mais difícil é encontrar um local no centro com valor mais acessível”, salienta.

Colaborou Felipe Michalski

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

A procura por aluguéis se concentra em torno das instituições de ensino. Foto: arquivo ACS.
A procura por aluguéis se concentra em torno das instituições de ensino. Foto: arquivo ACS.

A cidade de Santa Maria recebe anualmente muitos estudantes vindos de todos os lugares do Estado, o que fortalece o mercado imobiliário o qual apresentou um crescimento significativo nos últimos anos.

A equipe da ACS conversou com o setor imobiliário local. Segundo o corretor de imóveis Dagoberto Rechia ‘’Os valores dos imóveis para venda no ano de 2015 estão estabilizados. As vendas ocorrem de acordo com a necessidade, o que tinha que subir já foi reajustado. O preço vem sendo mantido. O mercado não está aquecido, mas tudo depende das propostas.” Rechia afirma ainda que  em relação ao ano de 2014 os valores estão equilibrados, pois o preço dos imóveis subiu muito naquele período, principalmente  em Santa Maria. Atualmente o mercado imobiliário encontra-se estagnado, mantendo o preço.

De acordo com Dagoberto, as vendas se dividem bem durante todo o ano, não existindo uma relação direta dos resultados dos vestibulares com a quantidade de vendas. Para ele,  as vendas são gradativas. As regiões mais caras são o centro e o Rosário, onde se encontra a Unifra. Já na região da Fadisma, os preços são menores. ” Em geral, a compra não vem por parte de estudantes. Eles vem mais para aluguéis. A compra é mais burocrática se for financiado, mas a compra direta é bastante simples”, diz.

No tocante aos aluguéis, a assessora de vendas Giulia Cancian  afirma que não houve muita variação neste ano quando comparado a 2014.  Em média  cerca de cinquenta reais devido ao reajuste do índice geral de preços do mercado, o IGPM. Para ela, a procura se manteve equilibrada, tanto para venda quanto para locação. ‘’Os alunos  de cursinho geralmente  optam mais pelo  aluguel. Já os que estão ingressando na faculdade tem procurado a compra, pois vale mais a pena devido ao tempo de estada na cidade’’, afirma ela.

Cancian também afirma que as regiões mais caras se concentram no centro, mais especificamente perto da UNIFRA e dos cursinhos pré-vestibulares. Em Camobi, nos locais mais próximos da UFSM, o valor também é um pouco mais alto. Os locais mais procurados são nas ruas Floriano Peixoto, Bozano, Andradas, Silva Jardim, Conde de Porto Alegre. “Esses locais são mais acessíveis e próximos de tudo, e concentra mais a procura por locação. Hoje não temos mais tanto problema com fiadores. A locação geralmente não é difícil. Mais difícil é encontrar um local no centro com valor mais acessível”, salienta.

Colaborou Felipe Michalski