Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Primeiros candidatos deixam os prédios

Às 11h30 desta segunda-feira, 4, os primeiros vestibulandos deixaram os prédios onde foram aplicadas as provas do Vestibular de Inverno 2016 do Centro Universitário Franciscano. No conjunto três da instituição, os estudantes passaram a manhã respondendo às 65 questões que são a porta de entrada para o ensino superior. Os primeiros a saírem foram os vestibulandos dos prédios 16 e 17.

A primeira a sair - foto Juliano Dutra
Primeira candidata a deixar o prédio 13. Foto: Juliano Dutra/ Laboratório de Fotografia e Memória

Naila Ghani, 17 anos, considerou a prova tranquila e o tema bem acessível. A estudante tenta uma vaga para o curso de Direito. Os demais estudantes ouvidos prestaram vestibular para o curso mais concorrido, Medicina.

“Achei fácil, gostei muito”, relata  Lídia Loreni, 18 anos. “Produtivo. Foi bem acessível”, destaca Mariele Girelli, 17 anos. ” Achei o tempo curto e a prova mais ou menos”, Bianca Rodrigues, 19 anos.”Considerei a prova bem conteudista e interdisciplinar. Foi a melhor prova aplicada até agora”, considera Jean Scherer da Silva, 17 anos. “Foi tranquilo e acessível, e mais fácil que a de verão”, confessa Eduardo Ceolin, 19 anos.

Esta é a primeira prova em que o tempo mínimo de permanência na sala é de 3h30. O período de realização terminou ao meio dia e o gabarito será disponibilizado às 15h.

Por Paola Saldanha e Pedro Gabriel

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Às 11h30 desta segunda-feira, 4, os primeiros vestibulandos deixaram os prédios onde foram aplicadas as provas do Vestibular de Inverno 2016 do Centro Universitário Franciscano. No conjunto três da instituição, os estudantes passaram a manhã respondendo às 65 questões que são a porta de entrada para o ensino superior. Os primeiros a saírem foram os vestibulandos dos prédios 16 e 17.

A primeira a sair - foto Juliano Dutra
Primeira candidata a deixar o prédio 13. Foto: Juliano Dutra/ Laboratório de Fotografia e Memória

Naila Ghani, 17 anos, considerou a prova tranquila e o tema bem acessível. A estudante tenta uma vaga para o curso de Direito. Os demais estudantes ouvidos prestaram vestibular para o curso mais concorrido, Medicina.

“Achei fácil, gostei muito”, relata  Lídia Loreni, 18 anos. “Produtivo. Foi bem acessível”, destaca Mariele Girelli, 17 anos. ” Achei o tempo curto e a prova mais ou menos”, Bianca Rodrigues, 19 anos.”Considerei a prova bem conteudista e interdisciplinar. Foi a melhor prova aplicada até agora”, considera Jean Scherer da Silva, 17 anos. “Foi tranquilo e acessível, e mais fácil que a de verão”, confessa Eduardo Ceolin, 19 anos.

Esta é a primeira prova em que o tempo mínimo de permanência na sala é de 3h30. O período de realização terminou ao meio dia e o gabarito será disponibilizado às 15h.

Por Paola Saldanha e Pedro Gabriel