O cinema como patrimônio histórico é tema no XXI SEPE


Por Fernando Cezar

 

Profª. Drª Maria Cristina Tonetto apresentou trabalho no XXI SEPE nesta quinta-feira

Ocorreu nesta quinta-feira, 05, o seminário no eixo de Artes e Patrimônio Cultural, junto ao XXI Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão, com a temática “O potencial do Cinema Universitário para documentar o patrimônio histórico”. Apresentado pela professora doutora Maria Cristina Tonetto, do curso de Jornalismo da Unifra, o trabalho fez os participantes conhecerem sua pesquisa e mais sobre a produção acadêmica em cinema no Brasil e em Portugal.

O seminário tratou de mostrar parte do que é trabalhado em cinema, com o viés do patrimônio histórico, e como isso é retratado nas produções universitárias. Além disso, foi salientado a importância da circulação em diferentes plataformas e expansão do cinema nas comunidades que não tem acesso a Sétima Arte.

Segundo a professora, ter a chance de apresentar parte dos resultados do seu trabalho no SEPE foi uma experiência muito valiosa. “Foram quatro anos pesquisando sobre este tema e, hoje, tive a oportunidade de tratar com um enfoque diferente, relacionando ao patrimônio histórico.  Segundo a professora, o trabalho  possui muitas informações, que podem receber outros direcionamentos  e novos olhares.

Maria Cristina ainda evidencia que a pesquisa desenvolvida mostra o quanto o conhecimento adquirido fora do país pode ser utilizado como forma de socializar dados para outros grupos de pesquisa, e quanto mais esses resultados forem conhecidos, mais contribuições e maior conhecimento no campo.

O XXI SEPE ocorre entre os dias 4 e 6 de outubro e funciona como uma oportunidade de os discentes e docentes apresentarem trabalhos acadêmicos.

 

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *