Oficina traz técnicas de aprendizagem e inclusão social


Por Elizabeth Lima

 

Oficina faz com que partcipantes experimentem as dificuldades de quem tem diferentes tipos de limitações motoras. Foto: JulianoDutra. Labfem

Ocorreu na tarde de ontem,  22, na Sala de Conferências do prédio 17 do Conjunto III da Unifra,  a Oficina “Somos iguais com nossas diferenças”. O evento que foi uma parceria entre os cursos de Filosofia e Engenharia Biomédica do Centro Universitário Franciscano  faz parte da programação do VIII PIBID foi ministrado por Mitieli Seixas da Silva (professora de Filosofia da UFSM), Maria Isabel Orcelli (professora de Engenharia Biomédica da Unifra) e Marcio Paulo Cenci (Professor de Filosofia da Unifra e atual coordenador do PIBID).

Com 1h e 30 de duração a oficina expôs ao público presente, formado principalmente por professores e estudantes de licenciatura  tanto da Unifra quanto da UFSM, o projeto de inclusão de pessoas com deficiência que foi desenvolvido nas escolas santamarienses Érico Verissímo e Rômulo Zanche. Segundo a professora Mitieli, o objetivo principal da oficina foi mostrar um modelo interdisciplinar baseado nas experiências do grupo com a aprendizagem baseada em problemas.

Após a apresentação do projeto e seus resultados, os trinta alunos foram convidados à participar de duas atividades práticas; um circuíto de cadeira de rodas e um teste de equilíbrio na plataforma do nintendo wii, afim de que pudessem perceber melhor as dificuldades pelas quais passam as pessoas com algum tipo de deficiência motora.

 

 

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *