FLISM relembrou as aventuras investigativas de Sherlock Holmes


Por Vitória Gonçalves

 

A Festa da Literatura de Santa Maria (FLISM) recebeu na tarde da última sexta-feira, 13, AZ Cordenonsi, autor da série juvenil Sherlock e os Aventureiros, e Emanuele Coimbra, tradutora de A Sabedoria dos Mortos, do espanhol Rodolfo Martinez, romance premiado que une o mundo racional de Sherlock aos mistérios sobrenaturais de H.P. Lovecraft.Sherlock e Watson foram criados por Arthur Conan Doyle no final do século XIX, conquistando desde então os mais variados públicos, gostos e faixas etárias. Os autores discutiram e mostraram alguns exemplos de versões para cinema de obras que recriam Sherlock e seu método dedutivo na Nova York contemporânea.

Experiente na área de Letras, com ênfase no ensino de espanhol como língua estrangeira, Emanuele Coimbra, traduziu, junto com Enéias Tavares, o livro A Sabedoria dos Mortos, do autor espanhol Rodolfo Martinez. Para Emanuele, o ator Robert Downey Jr faz a melhor interpretação cinematográfica de Sherlock Holmes. “Eu gosto do ator, apesar de ser nosso eterno Homem de Ferro. Ele, na minha opinião, é o melhor Sherlock que nós temos em todas as adaptações.”, disse a professora tutora do curso de Letras.

 

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *