8ª Mipa exibe amanhã, sexta-feira, as produções selecionadas


Por Agência CentralSul de Notícias

 

A exibição das produções  da 8ª edição da Mostra Integrada de Produções Audiovisuais(Mipa) da Universidade Franciscana será realizada no dia 25 de novembro, às 20h, no pátio do prédio 14 do Conjunto III da UFN, com sessão aberta ao público em geral. Em caso de chuva, a sessão será no hall da capela São Francisco.

O tema desta edição é arquivos de pandemia, já que muito se alterou nos modos do fazer audiovisual devido às transformações impostas pelos novo coronavírus. As janelas da vida, sejam elas reais ou digitais, assumiram um primeiro plano na perspectiva.

Fizeram parte da curadoria a jornalista Bruna Taschetto, coordenadora da UFN TV, as professoras Neli Mombelli, do curso de Jornalismo, e Michele Kapp Trevisan, do curso de Publicidade e Propaganda, e os técnicos Alexsandro Pedrollo de Oliveira e Jonathan de Souza. A mostra é organizada pelo LabSeis – Laboratório de Produção Audiovisual dos cursos de Jornalismo e de Publicidade e Propaganda e busca ser impulso na fruição das produções dos acadêmicos da instituição.

Conheça as produções selecionadas desta 8ª edição da Mipa.

 De Butuca na Bituca EP 1 – Experimental | 4’

De Butuca na Bituca EP 2 – Experimental | 6’50

Direção de Henrique Schmitt Medina

Tutorial de reutilização das bitucas de cigarro descartadas indevidamente com choque de realidade.

 Sinais – Ficção | 5’32”

Direção de Denzel Valiente e Lavignea Witt

Com o início da pandemia do novo coronavírus, Luísa precisou se adaptar para acompanhar as aulas da faculdade de modo virtual. Além dessa situação, a estudante precisa lidar com o namorado abusivo com quem divide apartamento.

 Anseio – Documentário | 1’15”

Direção de Hercules Hendges

Anseio retrata, por meio de suas imagens, o sentimento de angústia e aflição decorrentes da pandemia, mesclado com a beleza e exuberância de um planeta que está sendo lentamente destruído.

 Conexão Restabelecida – Ficção | 12’

Direção de Allysson Marafiga e Nathália Arantes

Retrata o cotidiano de Jordana, professora de Português de uma escola pública que, em tempos pandêmicos, se depara com as dificuldades de desempenhar seu trabalho através do formato remoto. Para lidar melhor com essa situação, a professora se aconselha com sua amiga Helena, professora de escola particular que vivencia uma situação bem diferente no seu dia a dia.

Sobre o autor:

Agência CentralSul de Notícias

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *