Crônicas

Aquele sorriso

Há tempos atrás ganhei de presente um sorriso. Uma menina de um ano foi quem me deu. Essa risada derrubou todas as defesas do meu ser. Um sorriso com os olhos, de coração, puro e singelo. Que aqueceu minha alma, me fazendo acreditar que ainda existe esperança de um futuro bom. Numa sociedade onde ninguém mais olha nos olhos um do outro, um sorriso faz falta, uma gentileza surpreende. As coisas acontecem na velocidade da […]

Como eu vim parar aqui?

Dia desses viajei para um curso de marketing. Fui ao hotel que sediava as palestras achando que estava arrumadinha com a minha maquiagem rápida e um colete de pelos. Chegando na fila, vejo meninas de vestido colado, cílios postiços, cabelos bem feitos e saltos enormes. Me perguntei se estava no lugar certo, um workshop ou uma festa. Ao entrar, todo mundo muito adulto. É, muito resolvido, desinibido, conversando sem medo. Tudo muito moderno. E eu […]

E o vento trouxe…

Rico ou pobre, o inverno está aí para todos. Não é preciso nem sair na rua para sentir a característica mais lembrada da época, o frio. Entretanto, o que motiva a escrita desse texto é um outro elemento que também incomoda nessa época do ano, o vento. No final da tarde me arrumo para sair de casa, pois tenho aula à noite. Ao sair, estou equipado com a vestimenta adequada para a estação: luvas, cachecol […]

E se minha filha fosse minha mãe?

A vida me deu uma resposta enquanto eu completava 20, 30, 33 anos e minha mãe envelhecia. Inúmeros poderiam ser os argumentos, as definições ou medos, pensava eu, ao ver os dias passar em sua companhia. Deixava de ser o frágil Daniel, o menino da casa e, ela, de ser minha super-heroína. Um telefonema, um abraço de “bom dia”, cama arrumada e seu cheiro que ficava esperando eu voltar. Estava indo para o mundo, para […]

Dia cinzento de lembranças

Era um dia cinza. Desses em que a gente tem vontade de ficar deitada na cama, com o computador no colo e um saco de salgadinho ao lado. Coloquei os fones no volume máximo. Estava revirando algumas pastas antigas em busca de uma organização inexistente. De repente,  me deparei com uma foto. Era ele. O cara que mais amei na vida e, também, a minha fossa registrada em imagem. Olhei para a menina daquela foto, […]

A senhora das mãos calejadas

Parei para observar Dona Zenaide… uma senhora de uns 60 e poucos anos que mais parecia uma menina. Cabelos por fazer, fios loiros já esbranquiçados, presos por um nó de sabedoria. Face tímida e enrugada. Olhos semicerrados acompanhados da sinuosidade de um sorriso tímido que, por pouco, disfarçavam a exaustão da rotina da dona de casa na terceira idade. Na boca, exibe vestígios de um batom vermelho desbotado que revelava o pouco que sobrava da […]

Café com Leite

Por Thais Ribeiro Estranho pensar que uma das primeiras coisas que me lembro quando penso em você seja o famoso café com leite, aquele que você preparava pra mim, pai, e depois se tornou aquele que eu prepararia pra você. Nossa história vem de outras vidas, você me resgatou, literalmente, me adotando, mas essa história nós conhecemos muito bem. Quando nossas posições se inverteram. Quando ficaou debilitado por conta de um AVC hemorrágico, te adotei […]

Confia em Mim

Ei, você aí, preste atenção no que eu vou lhe dizer agora, confie em mim, você não irá se arrepender. Eu lhe entendo, sei que a dor que você está sentindo é massacrante, sei que os dias parecem estar cada vez mais longos, sei que sua mente é confusa e transtornada. Sei que o mundo tem se mostrado injusto e cruel, sei que você acha que ninguém se importa com você, sei que todos os […]

Continuo sendo filha

Não estamos mais na mesma vida, mas continuo sendo filha. Certo dia, do meu quarto, ouvi o barulho das chaves do carro sendo largadas sobre a mesa e senti um frio no estômago. Parecia ser ele, chegando depois do trabalho. Logo constatei que não era, pois ele não vem já fazem alguns anos. Enquanto isso, meus dias seguem normais. Continuo fazendo o que sempre fiz e gostando do que sempre gostei. Neste momento, fiquei triste […]

A odisseia de ser mulher e motociclista

Este é  um relato pessoal e compartilhado. Começa com a reflexão sobre o fato de que quando uma menina completa 15 anos, todos sempre avisam que aquela idade só se faz uma vez. O que eles não dizem, na verdade, é ser assim em todos os anos. E se aos 15 a preocupação é terminar logo o ensino médio e saber que faculdade ou curso escolher, aos 18, se tudo der certo, estas perguntas já terão respostas (não […]