Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Vale-transporte nas férias é restrito para estudantes

Alunos da UFSM, bolsistas, estagiários e acadêmicos que estão cursando disciplinas de férias são os únicos que podem comprar passagem estudantil nessa epóca do ano. As passagens vendidas para estudantes custam metade do preço do vale-transporte para trabalhadores.

Acadêmicos da Universidade Federal de Santa Maria  já podem confeccionar suas carteiras de passagem para esse  primeiro semestre. Como a UFSM estava em greve e retorna às aulas na próxima semana, seus alunos já podem providenciar o documento junto aos postos da  ATU – Associação dos Transportadores Urbanos de Passageiros de Santa Maria.

Já os acadêmicos de outras instituições em férias,  terão de esperar até fevereiro para dar início a fabricação e comprar as passagens em março quando às aulas retornam. Os acadêmicos que têm bolsas de pesquisa, fazem estágio curricular e cursam disciplinas de férias podem comprar o vale-transporte. Para isso eles devem apresentar um comprovante na para retirar o beneficio.

Em Santa Maria, devido a uma lei municipal, os estudantes compram as passagens por metade do valor do vale-transporte, que hoje custa R$ 1,60.

As pessoas que usam desse vale transporte devem apresentar ao cobrador do ônibus a carteira de passagem. No entanto, segundo uma funcionária da Associação dos Transportadores Urbanos de Passageiros de Santa Maria (ATU) que não quis ser identificada, os estudantes devem ficar atentos durante os domingos. "Alguns cobradores aceitam as passagens, outros não".  Ela não soube responder o motivo da decisão.

Documentos necessários para confecção da carteira de passagens
– 1 foto 3×4
– Atestado da escola original
– Cópia do comprovante de residência
– Cópia da carteira de identidade ou certidão de nascimento
– Cópia ou guia de matrícula da universidade (apenas para estudantes de nível superior)

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Alunos da UFSM, bolsistas, estagiários e acadêmicos que estão cursando disciplinas de férias são os únicos que podem comprar passagem estudantil nessa epóca do ano. As passagens vendidas para estudantes custam metade do preço do vale-transporte para trabalhadores.

Acadêmicos da Universidade Federal de Santa Maria  já podem confeccionar suas carteiras de passagem para esse  primeiro semestre. Como a UFSM estava em greve e retorna às aulas na próxima semana, seus alunos já podem providenciar o documento junto aos postos da  ATU – Associação dos Transportadores Urbanos de Passageiros de Santa Maria.

Já os acadêmicos de outras instituições em férias,  terão de esperar até fevereiro para dar início a fabricação e comprar as passagens em março quando às aulas retornam. Os acadêmicos que têm bolsas de pesquisa, fazem estágio curricular e cursam disciplinas de férias podem comprar o vale-transporte. Para isso eles devem apresentar um comprovante na para retirar o beneficio.

Em Santa Maria, devido a uma lei municipal, os estudantes compram as passagens por metade do valor do vale-transporte, que hoje custa R$ 1,60.

As pessoas que usam desse vale transporte devem apresentar ao cobrador do ônibus a carteira de passagem. No entanto, segundo uma funcionária da Associação dos Transportadores Urbanos de Passageiros de Santa Maria (ATU) que não quis ser identificada, os estudantes devem ficar atentos durante os domingos. "Alguns cobradores aceitam as passagens, outros não".  Ela não soube responder o motivo da decisão.

Documentos necessários para confecção da carteira de passagens
– 1 foto 3×4
– Atestado da escola original
– Cópia do comprovante de residência
– Cópia da carteira de identidade ou certidão de nascimento
– Cópia ou guia de matrícula da universidade (apenas para estudantes de nível superior)