Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Em busca da qualidade de vida

 

 

 

 

A procura por exercícios físicos nas academias de Santa Maria cresceu neste inverno. Atualmente, homens e mulheres se preocupam mais com a saúde, buscando qualidade de vida, além de manter a forma.

Praticar esportes no inverno requer cuidados especiais.  Segundo o instrutor de artes marciais André Parcianello Navarro, 32, da Academia Rede Mestre Artes Marciais, é importante exigir mais atenção por parte do profissional quanto aos alongamentos, além de estar bem agasalhado e beber bastante líquido.

Já a assistente Gyamary Rodrigues, 25 anos, da Academia Jean Dominique, comenta que neste inverno, em relação ao ano passado, teve uma procura maior de mulheres. A preferência delas é pela prática aeróbica, que favorece a perda de calorias e o consequente emagrecimento. Já os homens preferem a musculação.

 A conscientização das pessoas em relação à saúde vem crescendo. Isso pode ser notado pelo aumento nas academias, de públicos em geral, desde crianças, adolescentes e adultos.

O estudante de administração, Fábio de Simoni Oliveira, 20, voltou a praticar exercícios físicos no período do inverno, com o objetivo de perder peso e se preparar para o verão. “Praticar esportes é importante para a saúde e nem tanto pela estética”. A estudante de letras, Jamile Xavier, 22, está há um mês praticando esportes. “Eu era sedentária. Como trabalho de manhã, acordava cansada. Agora, com a jump, a minha disposição está bem melhor.”. Já o estudante, Vinícius Felício, 19, procurou a academia com o objetivo de fazer taekwondo. “Quero manter a musculatura, aprender a lutar para defesa pessoal. Fazendo exercícios físicos você se sente melhor consigo mesmo”. 

Antes que os alunos ingressem na academia, é fundamental procurar um médico e um profissional de educação física. Assim, poderão fazer avaliações físicas e exames recomendados pelo médico, como exames ergométricos, cardíacos e respiratórios.

Além desses exames, durante as atividades, o aluno passa por um acompanhamento diário através de perguntas e testes de carga. No primeiro é feito um treinamento de condicionamento físico e de resistência, para que o aluno conheça seu próprio corpo. “Exercício físico não pode ser um modismo. É sinônimo de cuidar da saúde”, completa Navarro. Muitos procuram se espelhar em atletas Olímpicos, do Pan Americano, porque apresentam o corpo definido. Isso é um padrão de alto rendimento, muitas vezes, não um padrão de saúde.

Para o aluno obter um bom desempenho é necessário, no mínimo 8 horas de sono, uma boa alimentação e exercício.

Fotos: Núcleo de Fotografia e Memória (Bibiane Moreira)

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

 

 

 

A procura por exercícios físicos nas academias de Santa Maria cresceu neste inverno. Atualmente, homens e mulheres se preocupam mais com a saúde, buscando qualidade de vida, além de manter a forma.

Praticar esportes no inverno requer cuidados especiais.  Segundo o instrutor de artes marciais André Parcianello Navarro, 32, da Academia Rede Mestre Artes Marciais, é importante exigir mais atenção por parte do profissional quanto aos alongamentos, além de estar bem agasalhado e beber bastante líquido.

Já a assistente Gyamary Rodrigues, 25 anos, da Academia Jean Dominique, comenta que neste inverno, em relação ao ano passado, teve uma procura maior de mulheres. A preferência delas é pela prática aeróbica, que favorece a perda de calorias e o consequente emagrecimento. Já os homens preferem a musculação.

 A conscientização das pessoas em relação à saúde vem crescendo. Isso pode ser notado pelo aumento nas academias, de públicos em geral, desde crianças, adolescentes e adultos.

O estudante de administração, Fábio de Simoni Oliveira, 20, voltou a praticar exercícios físicos no período do inverno, com o objetivo de perder peso e se preparar para o verão. “Praticar esportes é importante para a saúde e nem tanto pela estética”. A estudante de letras, Jamile Xavier, 22, está há um mês praticando esportes. “Eu era sedentária. Como trabalho de manhã, acordava cansada. Agora, com a jump, a minha disposição está bem melhor.”. Já o estudante, Vinícius Felício, 19, procurou a academia com o objetivo de fazer taekwondo. “Quero manter a musculatura, aprender a lutar para defesa pessoal. Fazendo exercícios físicos você se sente melhor consigo mesmo”. 

Antes que os alunos ingressem na academia, é fundamental procurar um médico e um profissional de educação física. Assim, poderão fazer avaliações físicas e exames recomendados pelo médico, como exames ergométricos, cardíacos e respiratórios.

Além desses exames, durante as atividades, o aluno passa por um acompanhamento diário através de perguntas e testes de carga. No primeiro é feito um treinamento de condicionamento físico e de resistência, para que o aluno conheça seu próprio corpo. “Exercício físico não pode ser um modismo. É sinônimo de cuidar da saúde”, completa Navarro. Muitos procuram se espelhar em atletas Olímpicos, do Pan Americano, porque apresentam o corpo definido. Isso é um padrão de alto rendimento, muitas vezes, não um padrão de saúde.

Para o aluno obter um bom desempenho é necessário, no mínimo 8 horas de sono, uma boa alimentação e exercício.

Fotos: Núcleo de Fotografia e Memória (Bibiane Moreira)