Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Oncologia e suas possíveis causas

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Álcool,
cigarro, consumo de gordura saturada e excesso de peso são fatores que podem
causar alguns tipos de carcinogênese, o câncer. No Brasil, os cânceres de pele,
de mama, de pulmão e de próstata têm maior incidência, e entre os atingidos
estão muitos jovens que costumam abusar da saúde.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Dados como esses foram apresentados no 1º Ciclo de Palestras da
Biomedicina da Unifra, pelo biomédico em pesquisa clínica e coordenador do
setor de Pesquisa em Oncologia do Hospital Fêmina-GHC, de Porto Alegre, Huander
Felipe Andreolla, na palestra sobre Tópicos de Oncologia: A atuação do
Biomédico em pesquisa clínica.

O Rio Grande do Sul é o estado com maior expectativa de vida do Brasil.  É, também, o 2º estado com maior incidência de
câncer de mama por ano. Em 2008, os dados apontavam que a cada 100.000 pessoas
houve 120 casos da doença, além de ser o que mais leva mulheres a óbito.

Entre algumas hipóteses apontadas como fatores de risco estão as pessoas
caucasianas, as que têm um número reduzido de filhos, uma gestação velha,
pré-disposição genética, alimentação, uso de álcool e cigarro, reposição
hormonal, uso de anticoncepcionais antes dos 20 anos, mulheres sem filhos,
menarca antes dos 11 anos e menopausa após os 54 anos.

 É importante que para a prevenção a mulher realize sempre o auto-exame e
consulte um médico, anualmente, para que o diagnóstico ocorra o quanto antes e
o tratamento também. As opções de cura consistem em cirurgia ou radioterapia ou
quimioterapia e/ou hormonioterapia sugeridos pelo médico.

No sexo masculino o câncer de mama também pode ocorrer embora sejam
poucos os casos em relação ao de próstata, que ocorre em homens acima de 50
anos e é diagnosticado através do exame clínico e laboratorial (coleta de
sangue).

A tendência é que daqui a cinco anos a proporção de pessoas que venham a
ter carcinogênese, independente do tipo, seja cinco vezes maior do que hoje em
dia.

 

Fotos: Rochelly Tavares  (Laboratório de Fotografia e Memória)

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Álcool,
cigarro, consumo de gordura saturada e excesso de peso são fatores que podem
causar alguns tipos de carcinogênese, o câncer. No Brasil, os cânceres de pele,
de mama, de pulmão e de próstata têm maior incidência, e entre os atingidos
estão muitos jovens que costumam abusar da saúde.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

Dados como esses foram apresentados no 1º Ciclo de Palestras da
Biomedicina da Unifra, pelo biomédico em pesquisa clínica e coordenador do
setor de Pesquisa em Oncologia do Hospital Fêmina-GHC, de Porto Alegre, Huander
Felipe Andreolla, na palestra sobre Tópicos de Oncologia: A atuação do
Biomédico em pesquisa clínica.

O Rio Grande do Sul é o estado com maior expectativa de vida do Brasil.  É, também, o 2º estado com maior incidência de
câncer de mama por ano. Em 2008, os dados apontavam que a cada 100.000 pessoas
houve 120 casos da doença, além de ser o que mais leva mulheres a óbito.

Entre algumas hipóteses apontadas como fatores de risco estão as pessoas
caucasianas, as que têm um número reduzido de filhos, uma gestação velha,
pré-disposição genética, alimentação, uso de álcool e cigarro, reposição
hormonal, uso de anticoncepcionais antes dos 20 anos, mulheres sem filhos,
menarca antes dos 11 anos e menopausa após os 54 anos.

 É importante que para a prevenção a mulher realize sempre o auto-exame e
consulte um médico, anualmente, para que o diagnóstico ocorra o quanto antes e
o tratamento também. As opções de cura consistem em cirurgia ou radioterapia ou
quimioterapia e/ou hormonioterapia sugeridos pelo médico.

No sexo masculino o câncer de mama também pode ocorrer embora sejam
poucos os casos em relação ao de próstata, que ocorre em homens acima de 50
anos e é diagnosticado através do exame clínico e laboratorial (coleta de
sangue).

A tendência é que daqui a cinco anos a proporção de pessoas que venham a
ter carcinogênese, independente do tipo, seja cinco vezes maior do que hoje em
dia.

 

Fotos: Rochelly Tavares  (Laboratório de Fotografia e Memória)