Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Uma mulher e muito suspense

Clima de suspense no Cineclube Unifra. Laura é mais uma atração do ciclo O
Olhar Feminino no Cinema
, neste sábado, dia 21, a partir das 4 da tarde.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

Dirigida por Otto Preminger, o clássico do gênero noir é baseado em livro de Vera Caspary. Ao investigar a
morte da diretora de uma agência de propaganda, Laura Hunt, interpretada por Gene Tierney, o detetive
Mark McPherson interroga Waldo Lydecker, um influente jornalista, que
considerava Laura não apenas sua maior "criação" mas também sua propriedade
pessoal.  McPherson sente-se atraído pela
vítima e, no decorrer da trama, Laura aparece viva, cabendo ao investigador não
só descobrir o assassino, mas também quem fora assassinado.

Laura
teve cinco indicações ao Oscar: melhor diretor, melhor ator coadjuvante, melhor
roteiro e melhor direção de "decoração" (atual direção de arte). Porém, foi
como melhor fotografia em preto e branco que o filme levou a estatueta. Laura tem comentários da professora Kytta
Tonetto, antes da sessão.

Muito mistério e suspense no ar. Desvende tudo no
Salão Azul do conjunto I da Unifra.

    

LAURA (EUA,1944, 88 MIN)

DIREÇÃO: OTTO PREMINGER

SÁBADO, 21 DE NOVEMBRO, 16 HORAS NO CINECLUBE UNIFRA

SALÃO AZUL DO CONJUNTO I (ANDRADAS, 1614)

ENTRADA FRANCA

 

Próxima atração do Ciclo O
Olhar Feminino no Cinema:

28/11 – As Pontes de Madison

 

O Cineclube Unifra é uma atividade acadêmica, sem fins lucrativos
que existe desde 2003 no Centro Universitário Franciscano. Os temas e
respectivos filmes são discutidos e selecionados pelos alunos. Também é de sua
responsabilidade a criação de cartazes e material de divulgação para a
imprensa. A finalidade deste espaço cultural é discutir cinema, contribuir para
a formação de um público crítico e estreitar os laços com a comunidade.

Divulgação:


LINC – Laboratório Integrado
de Comunicação da UNIFRA (nucom.unifra@hotmail.com)


Professor
responsável: Jornalista Bebeto Badke

Texto elaborado pela acadêmica de Jornalismo Laudia Bolzan 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Clima de suspense no Cineclube Unifra. Laura é mais uma atração do ciclo O
Olhar Feminino no Cinema
, neste sábado, dia 21, a partir das 4 da tarde.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }


/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

Dirigida por Otto Preminger, o clássico do gênero noir é baseado em livro de Vera Caspary. Ao investigar a
morte da diretora de uma agência de propaganda, Laura Hunt, interpretada por Gene Tierney, o detetive
Mark McPherson interroga Waldo Lydecker, um influente jornalista, que
considerava Laura não apenas sua maior "criação" mas também sua propriedade
pessoal.  McPherson sente-se atraído pela
vítima e, no decorrer da trama, Laura aparece viva, cabendo ao investigador não
só descobrir o assassino, mas também quem fora assassinado.

Laura
teve cinco indicações ao Oscar: melhor diretor, melhor ator coadjuvante, melhor
roteiro e melhor direção de "decoração" (atual direção de arte). Porém, foi
como melhor fotografia em preto e branco que o filme levou a estatueta. Laura tem comentários da professora Kytta
Tonetto, antes da sessão.

Muito mistério e suspense no ar. Desvende tudo no
Salão Azul do conjunto I da Unifra.

    

LAURA (EUA,1944, 88 MIN)

DIREÇÃO: OTTO PREMINGER

SÁBADO, 21 DE NOVEMBRO, 16 HORAS NO CINECLUBE UNIFRA

SALÃO AZUL DO CONJUNTO I (ANDRADAS, 1614)

ENTRADA FRANCA

 

Próxima atração do Ciclo O
Olhar Feminino no Cinema:

28/11 – As Pontes de Madison

 

O Cineclube Unifra é uma atividade acadêmica, sem fins lucrativos
que existe desde 2003 no Centro Universitário Franciscano. Os temas e
respectivos filmes são discutidos e selecionados pelos alunos. Também é de sua
responsabilidade a criação de cartazes e material de divulgação para a
imprensa. A finalidade deste espaço cultural é discutir cinema, contribuir para
a formação de um público crítico e estreitar os laços com a comunidade.

Divulgação:


LINC – Laboratório Integrado
de Comunicação da UNIFRA (nucom.unifra@hotmail.com)


Professor
responsável: Jornalista Bebeto Badke

Texto elaborado pela acadêmica de Jornalismo Laudia Bolzan