Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Eleita a chapa que representará os estudantes

Por 444 votos a 221 a chapa 2 venceu a eleição para o Diretório Central de Estudantes da Unifra. As votações ocorreram nessa segunda-feira,  dia 21,  e todos os alunos podiam
votar. O resultado saiu à noite.

O Diretório Central do Estudante (DCE) é uma entidade estudantil que
representa os estudantes de uma instituição. Tem o papel de organizar e
representar o interesse dos alunos. Na Unifra duas chapas concorreram a  esse cargo. Ambas tinham o mesmo objetivo: buscar
maneiras para que os estudantes ficassem mais presentes na instituição.

A chapa 1 foi encabeçada pelo acadêmico de Direito, Tiago Vasconcelos Aires, 31 anos. Em sua campanha buscou abranger quatro áreas, que em sua visão seriam as mais adequadas para o DCE. A primeira seria a reorganização do Diretório, que seria reformular o estatuto, criar um CNPJ, fazer levantamento do dinheiro em caixa, entre outros. A segunda é a postura do DCE perante a reitoria. Com isso, pretende se tornar mais independente, fiscalizar os atos. Segundo Aires, essa área traria crescimento para o aluno. A terceira é buscar os estudantes, estar próximo a eles. Para que isso aconteça foi proposto realizar torneios, atividades culturais, oficinas literárias.  A chapa 1 ainda defendia a ideia do DCE fora da Unifra, com a proposta de se fortalecer na cidade e ter mais voz ativa.

“O DCE representa os alunos. Não investimos em camisetas e materiais. Fomos ao contrário, ficamos preocupados em fazer levantamentos, saber o que os alunos necessitam”, disse Aires.

A chapa 2 era encabeçada pelo acadêmico de Jornalismo Diego Borges Fantinel, 23 anos. Ele relatou que não tem propostas, mas que pretende ter mais voz ativa na instituição. “Aqui somos todos transparentes”, disse Fantinel, que se limitou a prestar apenas estas informações à equipe da Agência CentralSul.
 
A chapa 2 assume o
comando do DCE da Unifra na próxima segunda-feira, dia 28.
 
 
Fotos: Rômulo D’Avila (Laboratório de Fotografia e Memória)

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Por 444 votos a 221 a chapa 2 venceu a eleição para o Diretório Central de Estudantes da Unifra. As votações ocorreram nessa segunda-feira,  dia 21,  e todos os alunos podiam
votar. O resultado saiu à noite.

O Diretório Central do Estudante (DCE) é uma entidade estudantil que
representa os estudantes de uma instituição. Tem o papel de organizar e
representar o interesse dos alunos. Na Unifra duas chapas concorreram a  esse cargo. Ambas tinham o mesmo objetivo: buscar
maneiras para que os estudantes ficassem mais presentes na instituição.

A chapa 1 foi encabeçada pelo acadêmico de Direito, Tiago Vasconcelos Aires, 31 anos. Em sua campanha buscou abranger quatro áreas, que em sua visão seriam as mais adequadas para o DCE. A primeira seria a reorganização do Diretório, que seria reformular o estatuto, criar um CNPJ, fazer levantamento do dinheiro em caixa, entre outros. A segunda é a postura do DCE perante a reitoria. Com isso, pretende se tornar mais independente, fiscalizar os atos. Segundo Aires, essa área traria crescimento para o aluno. A terceira é buscar os estudantes, estar próximo a eles. Para que isso aconteça foi proposto realizar torneios, atividades culturais, oficinas literárias.  A chapa 1 ainda defendia a ideia do DCE fora da Unifra, com a proposta de se fortalecer na cidade e ter mais voz ativa.

“O DCE representa os alunos. Não investimos em camisetas e materiais. Fomos ao contrário, ficamos preocupados em fazer levantamentos, saber o que os alunos necessitam”, disse Aires.

A chapa 2 era encabeçada pelo acadêmico de Jornalismo Diego Borges Fantinel, 23 anos. Ele relatou que não tem propostas, mas que pretende ter mais voz ativa na instituição. “Aqui somos todos transparentes”, disse Fantinel, que se limitou a prestar apenas estas informações à equipe da Agência CentralSul.
 
A chapa 2 assume o
comando do DCE da Unifra na próxima segunda-feira, dia 28.
 
 
Fotos: Rômulo D’Avila (Laboratório de Fotografia e Memória)