Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Última rodada no Campeonato Brasileiro sub-20 de Futebol

A última rodada da chave 2 que ocorre
no Estádio Presidente Vargas, em
Santa Maria, tinha duas disputas distintas. Na primeira
delas, valia a classificação para as quartas de final e na outra, apenas
cumpria-se a tabela.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

No primeiro jogo, o Fluminense
até então invicto enfrentava o Vitória. Para os cariocas o empate servia para
garantir a classificação, enquanto no lado dos baianos a vitória era a única
maneira de buscar a classificação para a próxima fase. O Vitória tinha todos os
jogadores à disposição e os cariocas tinham a perda do zagueiro e capitão
Raphael com uma séria lesão na perna direita.

A partida começou muito tensa e
estudada pelas duas equipes. A primeira chance de gol aconteceu apenas aos 16
minutos. Aldair recebeu dentro da área e chutou cruzado e o lateral do
Fluminense Dudu afastou para trás, quase marcando contra. Aos 21 minutos, o
Vitória chegou outra vez, agora com Maia, chutando de longe.

O Fluminense, apenas equilibrou a
partida nos 15 minutos finais. A primeira trama dos cariocas foi através de
Raphael Augusto e Matheus Carvalho, que passou com facilidade pelo zagueiro,
mas chutou fraco. Aos 30 minutos o juiz não marcou pênalti em Stefano, do
Fluminense, e aos 33, foi a vez do árbitro não assinalar pênalti para os
baianos. O primeiro tempo acabava com muita polêmica e com o resultado que
interessava aos cariocas, 0 x 0.

No segundo a tensão aumentava
dentro de campo. O Vitória foi para cima do Fluminense, mas não conseguia criar
chances de perigo contra o goleiro Ricardo. Os cariocas se fecharam atrás e
apostavam nos contra-ataques para liquidar a partida.

A recompensa por atacar e buscar
o gol aconteceu apenas aos 40 minutos para os baianos. Aldair recebeu livre na
entrada da área para marcar um gol e naquele momento classificar o Vitória para
a próxima fase. Nos últimos minutos, o Fluminense tentava fazer uma pressão e
até criou uma chance perigosa aos 48 minutos. Após cobrança de falta, Wellington
tentou de bicicleta, mas acertou a trave. Fim de jogo, Vitória 1 x 0
Fluminense.

A partida de fundo reuniu Santos
e Avaí, ambos sem nenhum objetivo dentro da competição. Mas a partida foi muito
movimentada, com muitos gols e lances de alta qualidade técnica. Pena para o
público que as duas equipes resolveram mostrar suas qualidades apenas na última
partida.

O Santos goleou o Avaí por 8 x 2.
Os gols dos paulistas foram de Alemão duas vezes, Danilo duas vezes, Weder duas
vezes, Bruno e Gil. Para os catarinenses, Léo e Mauricio marcaram.

A classificação final da fase
classificatória, grupo 2 ficou assim: Coritiba 8 pontos, Vitória 8 pontos,
Fluminense 7 pontos, Santos 3 e Avaí nenhum.

A fase das Quartas de Final
ocorrem na sexta-feira, também no Estádio Presidente Vargas, com horários ainda
a serem definidos, pois serão televisionados para todo o Brasil. O Coritiba,
primeiro da chave 2, enfrenta o Vasco, segundo colocado da chave 4. A outra partida será entre
o Vitória, segundo colocado da chave 2 e o Goiás, primeiro da chave 4.

Para mais informações sobre o
Brasileiro Sub-20 2010, clique aqui

 

Fotos: Guilherme Kalsing

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

A última rodada da chave 2 que ocorre
no Estádio Presidente Vargas, em
Santa Maria, tinha duas disputas distintas. Na primeira
delas, valia a classificação para as quartas de final e na outra, apenas
cumpria-se a tabela.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4


st1:*{behavior:url(#ieooui) }

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

No primeiro jogo, o Fluminense
até então invicto enfrentava o Vitória. Para os cariocas o empate servia para
garantir a classificação, enquanto no lado dos baianos a vitória era a única
maneira de buscar a classificação para a próxima fase. O Vitória tinha todos os
jogadores à disposição e os cariocas tinham a perda do zagueiro e capitão
Raphael com uma séria lesão na perna direita.

A partida começou muito tensa e
estudada pelas duas equipes. A primeira chance de gol aconteceu apenas aos 16
minutos. Aldair recebeu dentro da área e chutou cruzado e o lateral do
Fluminense Dudu afastou para trás, quase marcando contra. Aos 21 minutos, o
Vitória chegou outra vez, agora com Maia, chutando de longe.

O Fluminense, apenas equilibrou a
partida nos 15 minutos finais. A primeira trama dos cariocas foi através de
Raphael Augusto e Matheus Carvalho, que passou com facilidade pelo zagueiro,
mas chutou fraco. Aos 30 minutos o juiz não marcou pênalti em Stefano, do
Fluminense, e aos 33, foi a vez do árbitro não assinalar pênalti para os
baianos. O primeiro tempo acabava com muita polêmica e com o resultado que
interessava aos cariocas, 0 x 0.

No segundo a tensão aumentava
dentro de campo. O Vitória foi para cima do Fluminense, mas não conseguia criar
chances de perigo contra o goleiro Ricardo. Os cariocas se fecharam atrás e
apostavam nos contra-ataques para liquidar a partida.

A recompensa por atacar e buscar
o gol aconteceu apenas aos 40 minutos para os baianos. Aldair recebeu livre na
entrada da área para marcar um gol e naquele momento classificar o Vitória para
a próxima fase. Nos últimos minutos, o Fluminense tentava fazer uma pressão e
até criou uma chance perigosa aos 48 minutos. Após cobrança de falta, Wellington
tentou de bicicleta, mas acertou a trave. Fim de jogo, Vitória 1 x 0
Fluminense.

A partida de fundo reuniu Santos
e Avaí, ambos sem nenhum objetivo dentro da competição. Mas a partida foi muito
movimentada, com muitos gols e lances de alta qualidade técnica. Pena para o
público que as duas equipes resolveram mostrar suas qualidades apenas na última
partida.

O Santos goleou o Avaí por 8 x 2.
Os gols dos paulistas foram de Alemão duas vezes, Danilo duas vezes, Weder duas
vezes, Bruno e Gil. Para os catarinenses, Léo e Mauricio marcaram.

A classificação final da fase
classificatória, grupo 2 ficou assim: Coritiba 8 pontos, Vitória 8 pontos,
Fluminense 7 pontos, Santos 3 e Avaí nenhum.

A fase das Quartas de Final
ocorrem na sexta-feira, também no Estádio Presidente Vargas, com horários ainda
a serem definidos, pois serão televisionados para todo o Brasil. O Coritiba,
primeiro da chave 2, enfrenta o Vasco, segundo colocado da chave 4. A outra partida será entre
o Vitória, segundo colocado da chave 2 e o Goiás, primeiro da chave 4.

Para mais informações sobre o
Brasileiro Sub-20 2010, clique aqui

 

Fotos: Guilherme Kalsing