Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

As impressões deixadas pela Feira 2011

feira2011_domingo1_gabriel.jpgEntrevistas no Livro Livre, tardes
de autógrafos, cineclubinho, contação de histórias no Espaço Criança e outras atividades
artísticas e culturais construíram a programação da Feira do Livro 2011. Mas não podemos esquecer da atração
principal, que motiva e torna possível a realização do evento cultural
tradicional de Santa Maria – os livros e os livreiros, que tornaram possível o
acesso diário da população aos lançamentos e às obras consagradas nacional e
internacionalmente. A cada ano a Feira do Livro busca ampliar suas atrações e
superar as expectativas do ano anterior. A edição 2011 mostrou bem esse fator.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

 

feira2011_domingo15_livreira_anaterra_marianna.jpg“A organização está boa. Os shows foram bons, o que atraiu mais o
público”.

                Vanderléia da
Rosa, coordenadora do estande da editora Anaterra

 

 

feira2011_domingo15_livreiro_mente_marianna.jpg“Superamos todas as expectativas, vendemos bem mais. Para mim a chuva
não atrapalhou”.

Celso da Silva Schimit, coordenador do
estande da Livraria da Mente

 

 

 

 

feira2011_domingo15_livreira_cesma_marianna.jpg“O público aumentou. As atrações também, o que chamou mais atenção.”

 Cris Ferreira, vendedora do estande da Cesma

 

 

 

 

feira2011_domingo15_livreiros_cesmainfantil_marianna.jpg“O público aumentou e as vendas também. As crianças querem mais leitura
e têm um gosto mais exigente, direcionam os pais para o que querem comprar… Os
pais também são mais seletivos nos livros que deixam os filhos levar para casa. Entendemos a participação do professor, pois é ele quem lê a história
em aula ou indica o livro.”

       Thaís Oliveira, coordenadora do estande da Cesma infantil.

 

 

feira2011_domingo15_livreiros_ufsm_marianna.jpg“A organização é muito boa, sempre que precisamos eles fazem o possível
para não nos deixar na mão”.

  
                                         
Franciele Nicola, coordenadora do estande da editora UFSM

 

 

 

Câmara do Livro 

Para aqueles que passam meses
estruturando a programação e os quinze dias do evento em plena correria para
que tudo dê certo, um bom encerramento é gratificante e traz a sensação de
dever cumprido.

feira2011_domingo15_livreiros_telcio_marianna.jpgPara o presidente da Câmara do
Livro e um dos organizadores da Feira do Livro, Télcio Brezolin, o ganho de uma Feira que supera as expectativas do ano
anterior é saber que a organização dos expositores fez um trabalho bem feito.

A Câmara do Livro tem a função de
incentivar a leitura através de uma maior diversidade de obras, da obtenção de
um desconto que gere lucro tanto para o livreiro quanto para o público. De acordo com Télcio, a cidade
está respondendo à proposta que é oferecida. “É um somatório, vamos descobrindo o que agrada o público
para que o próximo passo seja seguro e para  que os visitantes da próxima edição encontrem
um nível igual ou melhor”, comenta o presidente.

Mesmo com a chuva, o público que conferiu a Feira 2011 foi
maior e o número de jovens universitários também cresceu.

 

A lista com os livros mais
vendidos e com o número de vendas deste ano serão disponibilizadas nesta
segunda-feira. Até o final da tarde de domingo faltavam menos de duas mil obras para  ultrapassar as vendas da Feira do Livro 2010.

 

Fotos: Gabriel Saccol (Laboratório de Fotografia e Memória) e Marianna Antunes (acadêmica de Jornalismo)

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

feira2011_domingo1_gabriel.jpgEntrevistas no Livro Livre, tardes
de autógrafos, cineclubinho, contação de histórias no Espaço Criança e outras atividades
artísticas e culturais construíram a programação da Feira do Livro 2011. Mas não podemos esquecer da atração
principal, que motiva e torna possível a realização do evento cultural
tradicional de Santa Maria – os livros e os livreiros, que tornaram possível o
acesso diário da população aos lançamentos e às obras consagradas nacional e
internacionalmente. A cada ano a Feira do Livro busca ampliar suas atrações e
superar as expectativas do ano anterior. A edição 2011 mostrou bem esse fator.

Normal
0
21

false
false
false

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin:0cm;
mso-para-margin-bottom:.0001pt;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:10.0pt;
font-family:”Times New Roman”;
mso-ansi-language:#0400;
mso-fareast-language:#0400;
mso-bidi-language:#0400;}

 

feira2011_domingo15_livreira_anaterra_marianna.jpg“A organização está boa. Os shows foram bons, o que atraiu mais o
público”.

                Vanderléia da
Rosa, coordenadora do estande da editora Anaterra

 

 

feira2011_domingo15_livreiro_mente_marianna.jpg“Superamos todas as expectativas, vendemos bem mais. Para mim a chuva
não atrapalhou”.

Celso da Silva Schimit, coordenador do
estande da Livraria da Mente

 

 

 

 

feira2011_domingo15_livreira_cesma_marianna.jpg“O público aumentou. As atrações também, o que chamou mais atenção.”

 Cris Ferreira, vendedora do estande da Cesma

 

 

 

 

feira2011_domingo15_livreiros_cesmainfantil_marianna.jpg“O público aumentou e as vendas também. As crianças querem mais leitura
e têm um gosto mais exigente, direcionam os pais para o que querem comprar… Os
pais também são mais seletivos nos livros que deixam os filhos levar para casa. Entendemos a participação do professor, pois é ele quem lê a história
em aula ou indica o livro.”

       Thaís Oliveira, coordenadora do estande da Cesma infantil.

 

 

feira2011_domingo15_livreiros_ufsm_marianna.jpg“A organização é muito boa, sempre que precisamos eles fazem o possível
para não nos deixar na mão”.

  
                                         
Franciele Nicola, coordenadora do estande da editora UFSM

 

 

 

Câmara do Livro 

Para aqueles que passam meses
estruturando a programação e os quinze dias do evento em plena correria para
que tudo dê certo, um bom encerramento é gratificante e traz a sensação de
dever cumprido.

feira2011_domingo15_livreiros_telcio_marianna.jpgPara o presidente da Câmara do
Livro e um dos organizadores da Feira do Livro, Télcio Brezolin, o ganho de uma Feira que supera as expectativas do ano
anterior é saber que a organização dos expositores fez um trabalho bem feito.

A Câmara do Livro tem a função de
incentivar a leitura através de uma maior diversidade de obras, da obtenção de
um desconto que gere lucro tanto para o livreiro quanto para o público. De acordo com Télcio, a cidade
está respondendo à proposta que é oferecida. “É um somatório, vamos descobrindo o que agrada o público
para que o próximo passo seja seguro e para  que os visitantes da próxima edição encontrem
um nível igual ou melhor”, comenta o presidente.

Mesmo com a chuva, o público que conferiu a Feira 2011 foi
maior e o número de jovens universitários também cresceu.

 

A lista com os livros mais
vendidos e com o número de vendas deste ano serão disponibilizadas nesta
segunda-feira. Até o final da tarde de domingo faltavam menos de duas mil obras para  ultrapassar as vendas da Feira do Livro 2010.

 

Fotos: Gabriel Saccol (Laboratório de Fotografia e Memória) e Marianna Antunes (acadêmica de Jornalismo)