Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Deixe a Leitura entrar na Sua História

feira2011_ligia_maiara_bersch.jpg“A Feira do
Livro transforma a cidade num palco de cultura”. Essas foram as palavras de 
Ligia Militz da Costa, patronesse na Feira do Livro 2011, que iniciou
neste sábado, dia 30.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin-top:0cm;
mso-para-margin-right:0cm;
mso-para-margin-bottom:10.0pt;
mso-para-margin-left:0cm;
line-height:115%;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

A solenidade oficial ocorreu pela manhã, na Praça
Saldanha Marinho e contou com a presença de autoridades do município: o
prefeito Cezar Schirmer; a secretária de cultura, Iara Druzian; e as
homenageadas desta edição da Feira: Maria Eulália Albuquerque, professora
homenageada; e Nilta Graciolli, patronesse da Feira do Livro Infantil. Nilta
ressaltou que em Santa Maria existem muitas pessoas que se dedicam à cultura e
isso é uma das justificativas para a Feira do Livro de Santa Maria ser a
segunda maior do estado.

Autoridades do estado também estiveram presentes
durante o evento, como a primeira-dama do RS, Sandra Genro; e o secretário
estadual de Cultura, Luiz Antonio de Assis Brasil.

O prefeito Cezar
Schirmer destacou a importância da Feira do Livro para a cidade de Santa Maria.
“A Feira do Livro de Santa Maria é uma referência no Estado, um exemplo de
participação da comunidade”, enfatizou o prefeito.

Outra representante
do poder público santa-mariense, a presidente do legislativo municipal,
vereadora Sandra Rebelato, considera o evento como um “presente para a
população”. “A valorização da educação se faz presente, essa feira é um
presente permanente”, comentou a vereadora.

feira2011_geral_maiara_bersch.jpgPara destacar a
importância educacional da feira, estava presente a reitora do Centro
Universitário Franciscano (Unifra), irmã Irani Rupolo, que afirmou que esta
importância está ligada à leitura. “A leitura deve fazer parte de todo processo
educacional nas suas mais diversas áreas: saúde, comunicação e também nas
exatas”, citou a reitora.

A festa literária
que este ano traz como tema “Deixe a leitura entrar na sua história” conta com
35 bancas de livrarias. Neste ano, 96 títulos serão lançados na feira, 14 deles
obras infantis. Ainda dentro da programação, diariamente acontece o Livro Livre,
que apresenta uma seção de bate-papo com escritores e shows.

A Feira do Livro
acontece todos os dias na Praça Saldanha Marinho e vai até o dia 15 de maio. O
horário de funcionamento é das 13h às 21h de domingo a sexta-feira e nos
sábados das 10h às 21h.

Confira a programação para este domingo:

Lançamento de livros e sessão de autógrafos: das 17h30min às
18h30min

-Nós – Oscar Henrique Marques Cardoso

 

Feira do Livro Infantil

13h30min:

– Tapetes Contadores de Histórias

– Tapetes Olhar, Sonhar e Criar

– Pintódromo – Espaço Lúdico para criar, usar fantasia e a
imaginação

– Contação de Histórias

 

14h às 17h: Hora do Conto ARTESEC – As Histórias do Vovô Venâncio,
Feliciana e convidados

 

Livro Livre: 19h

Espetáculo de dança: Incentivando novos leitores, com o
melhor da Street da Cia Fernando Serpa.

 

 
Fotos: Maiara Bersch (acadêmica de Jornalismo)

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

feira2011_ligia_maiara_bersch.jpg“A Feira do
Livro transforma a cidade num palco de cultura”. Essas foram as palavras de 
Ligia Militz da Costa, patronesse na Feira do Livro 2011, que iniciou
neste sábado, dia 30.

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin-top:0cm;
mso-para-margin-right:0cm;
mso-para-margin-bottom:10.0pt;
mso-para-margin-left:0cm;
line-height:115%;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;
mso-bidi-font-family:”Times New Roman”;
mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}

A solenidade oficial ocorreu pela manhã, na Praça
Saldanha Marinho e contou com a presença de autoridades do município: o
prefeito Cezar Schirmer; a secretária de cultura, Iara Druzian; e as
homenageadas desta edição da Feira: Maria Eulália Albuquerque, professora
homenageada; e Nilta Graciolli, patronesse da Feira do Livro Infantil. Nilta
ressaltou que em Santa Maria existem muitas pessoas que se dedicam à cultura e
isso é uma das justificativas para a Feira do Livro de Santa Maria ser a
segunda maior do estado.

Autoridades do estado também estiveram presentes
durante o evento, como a primeira-dama do RS, Sandra Genro; e o secretário
estadual de Cultura, Luiz Antonio de Assis Brasil.

O prefeito Cezar
Schirmer destacou a importância da Feira do Livro para a cidade de Santa Maria.
“A Feira do Livro de Santa Maria é uma referência no Estado, um exemplo de
participação da comunidade”, enfatizou o prefeito.

Outra representante
do poder público santa-mariense, a presidente do legislativo municipal,
vereadora Sandra Rebelato, considera o evento como um “presente para a
população”. “A valorização da educação se faz presente, essa feira é um
presente permanente”, comentou a vereadora.

feira2011_geral_maiara_bersch.jpgPara destacar a
importância educacional da feira, estava presente a reitora do Centro
Universitário Franciscano (Unifra), irmã Irani Rupolo, que afirmou que esta
importância está ligada à leitura. “A leitura deve fazer parte de todo processo
educacional nas suas mais diversas áreas: saúde, comunicação e também nas
exatas”, citou a reitora.

A festa literária
que este ano traz como tema “Deixe a leitura entrar na sua história” conta com
35 bancas de livrarias. Neste ano, 96 títulos serão lançados na feira, 14 deles
obras infantis. Ainda dentro da programação, diariamente acontece o Livro Livre,
que apresenta uma seção de bate-papo com escritores e shows.

A Feira do Livro
acontece todos os dias na Praça Saldanha Marinho e vai até o dia 15 de maio. O
horário de funcionamento é das 13h às 21h de domingo a sexta-feira e nos
sábados das 10h às 21h.

Confira a programação para este domingo:

Lançamento de livros e sessão de autógrafos: das 17h30min às
18h30min

-Nós – Oscar Henrique Marques Cardoso

 

Feira do Livro Infantil

13h30min:

– Tapetes Contadores de Histórias

– Tapetes Olhar, Sonhar e Criar

– Pintódromo – Espaço Lúdico para criar, usar fantasia e a
imaginação

– Contação de Histórias

 

14h às 17h: Hora do Conto ARTESEC – As Histórias do Vovô Venâncio,
Feliciana e convidados

 

Livro Livre: 19h

Espetáculo de dança: Incentivando novos leitores, com o
melhor da Street da Cia Fernando Serpa.

 

 
Fotos: Maiara Bersch (acadêmica de Jornalismo)