Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Duas patronesses infantis na praça

feira2011_terca10_publico_tais.jpg“Praça cheia sem esperar. Que não seja só hoje, mas sim todos os dias que tiver eventos culturais em Santa Maria”, diz emocionada a patronesse da Feira do Livro Infantil Nilta Graciolli. Na tarde desta terça-feira, 10 de maio, a praça Saldanha Marinho esteve lotada. Mesmo com a chuva, crianças de diversas escolas estavam presentes com seus pais e professores para prestigiar as atrações infantis.

 

feira2011_terca10_mariaritapy_tais.jpg

O Segredo de Ayo

Maria Rita Py Dutra já foi patronesse da Feira do Livro Infantil em 2005 e lançou O Segredo de Ayo. A autora, que também já escreveu Histórias da Vó Preta, autografou livros nesta tarde e falou sobre seu novo projeto em parceria com a Escolhinhas da Paz.

“O livro faz parte de uma coleção que vai abordar as questões das minorias durante a alfabetização”, explica Maria Rita. Com ilustrações de Claudia Moraes e o apoio de Silas Moraes, a obra é destinada às crianças do primeiro e segundo ano do ensino fundamental. Para a autora, é preciso trabalhar com questões como a discriminação e as diferenças culturais.

Maria Rita já adiantou a temática do seu próximo trabalho. Ela vai contar uma história sobre indígenas. Escreverá um livrinho que será dedicado ao público infantil em geral, com a temática das diferenças culturais. Na séria que já está registrada pela Biblioteca Nacional, a escritora conta orgulhosa que pretende escrever também sobre crianças portadoras de necessidades especiais. Todos são assuntos que, segundo ela, devem ser discutidos nas escolas.

 

Música, teatro e dança

feira2011_terca10_homenagem2_nilta_tais.jpgA patronesse da Feira Infantil, Nilta Graciolli, que lançou nesta tarde o livro Dona Lagarta Pipoca e o Macaquinho Mentiroso, subiu ao palco para receber uma homenagem dos alunos do Colégio Antonio Alves Ramos.  No ano em que a escola do Patronato completa 50 anos, crianças do ensino fundamental cantaram, dançaram e encenaram no palco da Feira a obra lançada pela professora Nilta.

feira2011_terca10_nilta_tais.jpg“As crianças são receptivas. Convencer leitores fica mais fácil quando eles são crianças”, conta a patronesse durante a sua sessão de autógrafos. Rodeada por crianças, Nilta recebeu o carinho de alunos e ex-alunos que corriam para abraçá-la e tirar fotos.

 

Fotos: Taís Iensen (Laboratório de Fotografia e Memória)

 

 

 

 

 

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

feira2011_terca10_publico_tais.jpg“Praça cheia sem esperar. Que não seja só hoje, mas sim todos os dias que tiver eventos culturais em Santa Maria”, diz emocionada a patronesse da Feira do Livro Infantil Nilta Graciolli. Na tarde desta terça-feira, 10 de maio, a praça Saldanha Marinho esteve lotada. Mesmo com a chuva, crianças de diversas escolas estavam presentes com seus pais e professores para prestigiar as atrações infantis.

 

feira2011_terca10_mariaritapy_tais.jpg

O Segredo de Ayo

Maria Rita Py Dutra já foi patronesse da Feira do Livro Infantil em 2005 e lançou O Segredo de Ayo. A autora, que também já escreveu Histórias da Vó Preta, autografou livros nesta tarde e falou sobre seu novo projeto em parceria com a Escolhinhas da Paz.

“O livro faz parte de uma coleção que vai abordar as questões das minorias durante a alfabetização”, explica Maria Rita. Com ilustrações de Claudia Moraes e o apoio de Silas Moraes, a obra é destinada às crianças do primeiro e segundo ano do ensino fundamental. Para a autora, é preciso trabalhar com questões como a discriminação e as diferenças culturais.

Maria Rita já adiantou a temática do seu próximo trabalho. Ela vai contar uma história sobre indígenas. Escreverá um livrinho que será dedicado ao público infantil em geral, com a temática das diferenças culturais. Na séria que já está registrada pela Biblioteca Nacional, a escritora conta orgulhosa que pretende escrever também sobre crianças portadoras de necessidades especiais. Todos são assuntos que, segundo ela, devem ser discutidos nas escolas.

 

Música, teatro e dança

feira2011_terca10_homenagem2_nilta_tais.jpgA patronesse da Feira Infantil, Nilta Graciolli, que lançou nesta tarde o livro Dona Lagarta Pipoca e o Macaquinho Mentiroso, subiu ao palco para receber uma homenagem dos alunos do Colégio Antonio Alves Ramos.  No ano em que a escola do Patronato completa 50 anos, crianças do ensino fundamental cantaram, dançaram e encenaram no palco da Feira a obra lançada pela professora Nilta.

feira2011_terca10_nilta_tais.jpg“As crianças são receptivas. Convencer leitores fica mais fácil quando eles são crianças”, conta a patronesse durante a sua sessão de autógrafos. Rodeada por crianças, Nilta recebeu o carinho de alunos e ex-alunos que corriam para abraçá-la e tirar fotos.

 

Fotos: Taís Iensen (Laboratório de Fotografia e Memória)