Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

UFPB concede título doutor “honoris causa” ao professor Fausto Neto

O professor Antonio Fausto Neto foi homenageado pela Universidade Federal da Paraíba. Foto: arquivo

O professor Antônio Fausto Neto foi condecorado no último dia 31, com o título de doutor honoris causa, concedido pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A homenagem representou o reconhecimento à contribuição acadêmica do professor e pesquisador para a universidade, onde foi um dos fundadores do curso de Comunicação Social, em 1977.

O Conselho Universitário da UFPB  que aprovou por unanimidade a concessão do título, considerou que a contribuição do professor para a universidade foi intensa, “sempre motivado por uma dimensão qualitativa de um trabalho acadêmico norteado pela noção de complexidade em contraponto às posturas esquemáticas e dualistas que norteavam o novo Curso de Comunicação Social da Universidade Federal da Paraíba na época”. E também observou a  “vasta produção intelectual do notável Professor Doutor Antônio Fausto Neto, que chamou a atenção pelos indicadores qualitativos e documentou a inegável contribuição do mesmo em termos de pesquisa, produção de conhecimento, publicações e consultorias”.  “Um traço distintivo presente na figura humana deste professor que chamava a atenção dos então novos Programas de Pós-Graduação da UFPB era a sua produção acadêmica com repercussão no cenário nacional e o seu poder de análise e argumentação nos campos de estudos que abraçou”, destacou ainda a resolução.

Fausto Neto é atualmente bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq – Nível 1A e um dos fundadores da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Comunicação (Compós). Como docente, atua junto à Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo (RS), e do Centro Universitário Franciscano, em Santa Maria. É também presidente do  Centro Internacional de Semiótica e de Comunicação, CISECO.

Fonte: Ciseco

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

O professor Antonio Fausto Neto foi homenageado pela Universidade Federal da Paraíba. Foto: arquivo

O professor Antônio Fausto Neto foi condecorado no último dia 31, com o título de doutor honoris causa, concedido pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A homenagem representou o reconhecimento à contribuição acadêmica do professor e pesquisador para a universidade, onde foi um dos fundadores do curso de Comunicação Social, em 1977.

O Conselho Universitário da UFPB  que aprovou por unanimidade a concessão do título, considerou que a contribuição do professor para a universidade foi intensa, “sempre motivado por uma dimensão qualitativa de um trabalho acadêmico norteado pela noção de complexidade em contraponto às posturas esquemáticas e dualistas que norteavam o novo Curso de Comunicação Social da Universidade Federal da Paraíba na época”. E também observou a  “vasta produção intelectual do notável Professor Doutor Antônio Fausto Neto, que chamou a atenção pelos indicadores qualitativos e documentou a inegável contribuição do mesmo em termos de pesquisa, produção de conhecimento, publicações e consultorias”.  “Um traço distintivo presente na figura humana deste professor que chamava a atenção dos então novos Programas de Pós-Graduação da UFPB era a sua produção acadêmica com repercussão no cenário nacional e o seu poder de análise e argumentação nos campos de estudos que abraçou”, destacou ainda a resolução.

Fausto Neto é atualmente bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq – Nível 1A e um dos fundadores da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Comunicação (Compós). Como docente, atua junto à Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo (RS), e do Centro Universitário Franciscano, em Santa Maria. É também presidente do  Centro Internacional de Semiótica e de Comunicação, CISECO.

Fonte: Ciseco