Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Recomendação Cultural: ‘Para Sempre Alice’

julianne-moore-in-still-alice
Julianne Moore interpreta Alice, uma professora diagnosticada com Alzheimer (Foto: Divulgação)

 

“Para Sempre Alice”, filme premiado com o Oscar de melhor atriz, é a recomendação cultural desta semana. Alice, interpretada pela atriz Julianne Moore, é uma renomada professora universitária e pesquisadora que vê sua vida mudar ao ser diagnosticada com Alzheimer precoce. Quem dá a dica é o estudante de Design Tobias Barros.

Tobias gostou do filme pois aborda a relação familiar (Foto: Viviane Campos/Laboratório de Fotografia e Memória)

“É sobre uma professora universitária que descobre que tem Alzheimer. Como é para uma pessoa que tem alguém na família com a doença. Mostra como é que o marido dela e os parentes recebem a notícia e convivem com isso.
A família apoia muito ela em tudo e todas as técnicas que ela usa pra não se esquecer das coisas.
Eu gostei do filme, eu sabia sobre a doença, eu tinha o conhecimento sobre o que é o Alzheimer,
mas nunca tinha visto a proporção que ele toma dentro de uma família,” relata o estudante.

O filme é baseado no livro homônimo de Lisa Genova, escritora e neurocientista americana.

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

julianne-moore-in-still-alice
Julianne Moore interpreta Alice, uma professora diagnosticada com Alzheimer (Foto: Divulgação)

 

“Para Sempre Alice”, filme premiado com o Oscar de melhor atriz, é a recomendação cultural desta semana. Alice, interpretada pela atriz Julianne Moore, é uma renomada professora universitária e pesquisadora que vê sua vida mudar ao ser diagnosticada com Alzheimer precoce. Quem dá a dica é o estudante de Design Tobias Barros.

Tobias gostou do filme pois aborda a relação familiar (Foto: Viviane Campos/Laboratório de Fotografia e Memória)

“É sobre uma professora universitária que descobre que tem Alzheimer. Como é para uma pessoa que tem alguém na família com a doença. Mostra como é que o marido dela e os parentes recebem a notícia e convivem com isso.
A família apoia muito ela em tudo e todas as técnicas que ela usa pra não se esquecer das coisas.
Eu gostei do filme, eu sabia sobre a doença, eu tinha o conhecimento sobre o que é o Alzheimer,
mas nunca tinha visto a proporção que ele toma dentro de uma família,” relata o estudante.

O filme é baseado no livro homônimo de Lisa Genova, escritora e neurocientista americana.