Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

As mães entre promessas e apoio aos filhos

Bernadete Tonetto fala sobre a promessa da filha, Maria Eugenia.
Bernadete Tonetto fala sobre a promessa da filha, Maria Eugenia. Fotos: Fernanda Gonçalves

Em dia de vestibular, enquanto os filhos estão nas salas participando de uma seleção, muitos pais ficam aguardando a saída deles. Durante esse intervalo de tempo, muitos aproveitam para tentar se descontrair, puxando conversa com o familiar que está ao seu lado. A agência Central Sul de Notícias aproveitou esse intervalo para conversar com os parentes dos vestibulandos.

Bernadete Tonetto, de 52 anos, moradora de Santo Ângelo, veio acompanhar a filha Maria Eugenia, de 19 anos, durante a prova. A estudante é  uma das concorrentes para uma das 40 vagas do curso de Medicina da instituição franciscana. A mãe conta que a filha fez uma promessa caso vier a passar na graduação. ” Como ela tem o cabelo muito comprido, prometeu que se passar vai cortar bem curto e doar para uma Organização Não Governamental que atenda a crianças com câncer, para a fabricação de perucas”, afirmou.  Bernadete também conta que a filha sempre quis a área da saúde e que, quando criança, tinha até as roupas e acessórios. Hoje as duas guardam as fotos da época. “A minha filha sempre quis isso. E diferente das amigas dela, a Maria Eugenia se privou de ir em muitas festas durante esse ano para poder estudar”, relatou a mãe.

A mãe solange Forte fez promessa se a filha passar em Psicologia
A mãe solange Forte fez promessa se a filha passar em Psicologia

Falando ainda em promessas, as mães também as fazem. Acompanhada pela Mel, uma cachorrinha da raça Yorkshire, Solange Fortes Rosner, de 49 anos, também veio prestar  apoio para a filha Cassiele Fortes Rosner, de 17 anos, que veio fazer a prova para tentar uma vaga no curso de psicologia. ” A Cassiele não fez promessa, mas eu fiz. Se ela passar aqui, como da nossa preferência, eu vou levar um buquê de rosas na Igreja da Nossa Senhora Aparecida, em Palmeiras das Missões, onde moramos”, diz a mãe.

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bernadete Tonetto fala sobre a promessa da filha, Maria Eugenia.
Bernadete Tonetto fala sobre a promessa da filha, Maria Eugenia. Fotos: Fernanda Gonçalves

Em dia de vestibular, enquanto os filhos estão nas salas participando de uma seleção, muitos pais ficam aguardando a saída deles. Durante esse intervalo de tempo, muitos aproveitam para tentar se descontrair, puxando conversa com o familiar que está ao seu lado. A agência Central Sul de Notícias aproveitou esse intervalo para conversar com os parentes dos vestibulandos.

Bernadete Tonetto, de 52 anos, moradora de Santo Ângelo, veio acompanhar a filha Maria Eugenia, de 19 anos, durante a prova. A estudante é  uma das concorrentes para uma das 40 vagas do curso de Medicina da instituição franciscana. A mãe conta que a filha fez uma promessa caso vier a passar na graduação. ” Como ela tem o cabelo muito comprido, prometeu que se passar vai cortar bem curto e doar para uma Organização Não Governamental que atenda a crianças com câncer, para a fabricação de perucas”, afirmou.  Bernadete também conta que a filha sempre quis a área da saúde e que, quando criança, tinha até as roupas e acessórios. Hoje as duas guardam as fotos da época. “A minha filha sempre quis isso. E diferente das amigas dela, a Maria Eugenia se privou de ir em muitas festas durante esse ano para poder estudar”, relatou a mãe.

A mãe solange Forte fez promessa se a filha passar em Psicologia
A mãe solange Forte fez promessa se a filha passar em Psicologia

Falando ainda em promessas, as mães também as fazem. Acompanhada pela Mel, uma cachorrinha da raça Yorkshire, Solange Fortes Rosner, de 49 anos, também veio prestar  apoio para a filha Cassiele Fortes Rosner, de 17 anos, que veio fazer a prova para tentar uma vaga no curso de psicologia. ” A Cassiele não fez promessa, mas eu fiz. Se ela passar aqui, como da nossa preferência, eu vou levar um buquê de rosas na Igreja da Nossa Senhora Aparecida, em Palmeiras das Missões, onde moramos”, diz a mãe.