Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Escrevendo na zona cinzenta: na linha entre ficção e documentário

Foto: Maria Luísa Viana
Mariana Silveira ministra a oficina “Roteiros Híbridos” (Foto: Maria Luísa Viana/ Lab. Fotografia e Memória)

O que é um roteiro híbrido? Com a proposta de debater e responder esse questionamento, a roteirista Mariana Silveira ministrou a quarta oficina do 13º Fórum de Comunicação, que aconteceu na tarde de quarta-feira, 15, no sexto andar do prédio 14 do Centro Universitário Franciscano.

Mariana, aluna egressa do curso de Jornalismo da instituição, conta que durante seu período acadêmico descobriu que ser roteirista era o que ela realmente queria após dois projetos desenvolvidos na Unifra – “Valentina” e “Pra Quem Quiser Ouvir”. Hoje, ela atua como roteirista freelancer.

Após seis anos de formada, a ministrante da oficina comenta que é gratificante participar de mais um Fórum da Comunicação. “É ótimo porque é uma temática que eu trabalho e estudo há muito tempo. Vir aqui falar sobre isso é incrível porque, inclusive, faz com que eu estude mais sobre o tema, além de ser uma ótima oportunidade”, completa.

DSC_0004 2
Foto: Maria Luísa Viana/ Lab. Fotografia e Memória

A oficina se dividiu entre explicações, bate-papo e exibição de conteúdos audiovisuais, como trechos dos documentário “Olmo e Gaivota”, “Ilha das Flores” e “Pequenas Vozes”. Durante cerca de quatro horas, a ministrante explicou como é trabalhar entre documentário e ficção – o que chama de zona cinzenta -, ou seja, pensar no caminho do meio entre dois gêneros  para criar narrativas diferentes.

A roteirista deseja ter provocado aos participantes da oficina uma nova forma de pensar sobre a produção audiovisual.”Espero conseguir fazer pensar um pouco mais fora dos conceitos estabelecidos, pensar entre produzir conteúdos que misturem as linguagens e não ser tão inocente de imaginar que tudo seja separado”.

O 13º Fórum de Comunicação acontece até quinta-feira, 16. Acompanhe a programação pela página do evento.

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Foto: Maria Luísa Viana
Mariana Silveira ministra a oficina “Roteiros Híbridos” (Foto: Maria Luísa Viana/ Lab. Fotografia e Memória)

O que é um roteiro híbrido? Com a proposta de debater e responder esse questionamento, a roteirista Mariana Silveira ministrou a quarta oficina do 13º Fórum de Comunicação, que aconteceu na tarde de quarta-feira, 15, no sexto andar do prédio 14 do Centro Universitário Franciscano.

Mariana, aluna egressa do curso de Jornalismo da instituição, conta que durante seu período acadêmico descobriu que ser roteirista era o que ela realmente queria após dois projetos desenvolvidos na Unifra – “Valentina” e “Pra Quem Quiser Ouvir”. Hoje, ela atua como roteirista freelancer.

Após seis anos de formada, a ministrante da oficina comenta que é gratificante participar de mais um Fórum da Comunicação. “É ótimo porque é uma temática que eu trabalho e estudo há muito tempo. Vir aqui falar sobre isso é incrível porque, inclusive, faz com que eu estude mais sobre o tema, além de ser uma ótima oportunidade”, completa.

DSC_0004 2
Foto: Maria Luísa Viana/ Lab. Fotografia e Memória

A oficina se dividiu entre explicações, bate-papo e exibição de conteúdos audiovisuais, como trechos dos documentário “Olmo e Gaivota”, “Ilha das Flores” e “Pequenas Vozes”. Durante cerca de quatro horas, a ministrante explicou como é trabalhar entre documentário e ficção – o que chama de zona cinzenta -, ou seja, pensar no caminho do meio entre dois gêneros  para criar narrativas diferentes.

A roteirista deseja ter provocado aos participantes da oficina uma nova forma de pensar sobre a produção audiovisual.”Espero conseguir fazer pensar um pouco mais fora dos conceitos estabelecidos, pensar entre produzir conteúdos que misturem as linguagens e não ser tão inocente de imaginar que tudo seja separado”.

O 13º Fórum de Comunicação acontece até quinta-feira, 16. Acompanhe a programação pela página do evento.