Centenas de pessoas em aglomerações são dispersadas em Santa Maria


Por Vitória Gonçalves

 

Na última sexta-feira, 4, com lotação máxima de leitos de UTI Covid-19, vídeos obtidos das redes sociais mostram centenas de pessoas aglomeradas e sem máscara de proteção facial, na Rua Nossa Senhora do Rosário, causando a revolta de quem mora na região.

Segundo os moradores das proximidades, as aglomerações, som alto e vandalismo têm sido frequentes no local, mas nas últimas noites isso se agravou.

  “Nas últimas quatro noites está sendo muito alarmante, o barulho excessivo, os carros com volume altíssimo, as motos com cano de descarga aberta. É um barulho constante até as 6h da manhã. Se vem a brigada militar ou fiscalização, eles dispersam e voltam”, comenta uma moradora que prefere não se identificar. “Em tempo de pandemia, é muito difícil pensar que haja tanta irresponsabilidade e uma sensação de poder que eles não vão se contaminar, que não vai acontecer nada. Porque a quantidade de pessoas que está se reunindo no local, é muito assustadora”, acrescenta. Outra moradora, que também prefere se manter no anonimato, ressalta o estado que amanhecem as ruas após as aglomerações noturnas. 

“Foram três tentativas para dispersar o pessoal, mas não foi o suficiente. De manhã as ruas estavam imundas, parecia época de carnaval”, salienta. 

O vídeo que mostra a dispersão da última madrugada foi publicado pelo prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) nas redes sociais. Ele se posicionou sobre o ocorrido.

 IRRESPONSABILIDADE!

“Meus amigos, estou pedindo de coração, que todos olhem esse vídeo. Aconteceu ontem à noite, no Bairro Rosário. Assistam a irresponsabilidade de algumas pessoas, que acabam prejudicando uma cidade inteira. Santa Maria vive um dos piores momentos da pandemia! Somos cobrados diariamente e estamos sempre dialogando, buscando soluções, fiscalizando e vacinando, mas sem a conscientização de todos fica difícil. Um agradecimento especial, para a nossa força-tarefa da fiscalização, que terminou rapidamente com a aglomeração. Também, agradecemos todos os estabelecimentos que estão nos ajudando, cumprindo os protocolos. Não esqueçam, precisamos de todos nós cuidando de todos nós”, desabafou o prefeito Jorge Pozzobom nas redes sociais. 

Na terça-feira, 1, quatro pacientes morreram à espera de um leito em Santa Maria . Segundo a direção da UPA, a procura de atendimentos cresceu nas últimas duas semanas e nesta sexta, a cidade chegou a 690 vítimas de covid-19. Como afirmou o prefeito, “irresponsabilidade de algumas pessoas, que acabam prejudicando a cidade inteira”. 

COMO DENUNCIAR

Denúncias de descumprimento das medidas podem ser feitas à Guarda Municipal pelos números 153, (55) 99217-8122, 99167-4728 e 99167-8452 ( celulares, somente via WhatsApp).

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *