Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Eleições municipais: Helen Cabral prioriza a saúde e a educação

CANDIDATA DO PT

Professora por profissão, natural de Uruguaiana, nascida no dia 3 de abril, 40 anos e mãe de uma filha. Militante assídua do Partido dos Trabalhadores (PT), a atual vereadora Helen Cabral é uma das candidatas para a disputa eleitoral à prefeitura de Santa Maria.

Tendo como referência política o ex-presidente Lula, o deputado Paulo Pimenta, o governador Tarso Genro, o deputado Valdeci Oliveira e o secretário Fabiano Pereira, Helen se filiou ao partido em 1989 e começou sua trajetória política como líder estudantil. Em 1984, participou do movimento “Diretas Já”, criou, como sócia-fundadora, a Cooperativa Habitacional do CPERS em 1994 e, quatro anos depois, foi eleita presidente do 2º Núcleo do CPERS. Assumiu, em 2000, a direção da Escola Estadual Walter Jobim. Em 2004, concorreu a vereadora, ficando como suplente. Em 2008, foi eleita com 4.182, sendo a mulher mais votada no município, e mais votada do PT. Entre suas conquistas como professora, está a ampliação da Escola Walter Jobim e a construção de um ginásio de esportes no local.

Helen Cabral é a candidato do PT à prefeitura de Santa Maria.

Helen Cabral foi escolhida como representante do PT em uma plenária na Câmara de Vereadores no dia 31 de março. Ela conta com apoio de grandes nomes do partido na cidade, como o deputado federal Paulo Pimenta, o deputado estadual Valdeci Oliveira e o secretário de estado de Justiça e Direitos Humanos Fabiano Pereira.

Entre as justificativas em ser a candidata, Helen defende as políticas do PT e a representação de uma imagem feminina no comando de Santa Maria. Inspirada na presidente Dilma Rousseff, afirma que é necessário trazer um olhar feminino para a política de Santa Maria. Adotando uma estratégia mais de ataque, Helen apresenta suas propostas, apontando os erros de seus oponentes.

Segundo a candidata, este é um desafio muito importante, principalmente na questão da política. Ela afirma que o fato de concorrer ao cargo sendo mulher abre portas e, que ser eleita prefeita, irá mostrar para as outras mulheres que é possível assumir, sim, cargos de maior liderança no município. Durante a disputa eleitoral, Helen irá enfrentar o atual prefeito Cezar Schirmer (PMDB), candidato à reeleição, e o deputado estadual Jorge Pozzobom (PSDB). Segundo ela, essas são as candidaturas mais fortes e serão seus adversários diretos.

Defendendo que a saúde e a educação estão em situações precárias nesta gestão, a candidata afirma que suas propostas estão diretamente ligadas a essas áreas. Ela defende que devem ser mais bem trabalhadas as políticas públicas de saúde, onde os recursos destinados pelo governo federal para o município não são investidos. Quanto à educação, afirma que o governo atual não atendeu políticas para as áreas, fazendo somente “remendos” e nada foi resolvido de forma efetiva. Conforme Helen, promessas foram feitas, como a de uma escola padrão para o município, porém nada ocorreu.

Questionada sobre os problemas de mobilidade urbana de Santa Maria, considera que a situação piorou. Para ela, não houve um planejamento e, por isso, a cidade está com estes grandes problemas. A candidata afirma que, em seu governo, haverá este planejamento, onde se buscarão soluções efetivas para o trânsito, incluindo uma política para transformar o transporte público. Quanto aos investimentos nos bairros que não se localizam na região central, deve haver uma descentralização, já que acredita que se deve trabalhar mais nestas comunidades.

Helen defende uma política mais humanista, e salienta alguns dos problemas ambientais do município. Ela cita, como exemplo, a atual revitalização da Avenida Rio Branco, que não respeitou as normas ambientais, com a poda de árvores e a colocação de concreto, impedindo o crescimento futuro destas plantas.

A candidata afirma que a cidade sofreu um retrocesso com o governo atual, e que não houve um olhar para o futuro. Helen destaca que a atual chapa defende não só as questões de gêneros, defendendo as mulheres na política, mas os interesses da cidade, mantendo uma relação direta tanto com o governo do estado quanto com o governo federal.

 

Texto e foto: Rodrigo Ricordi, Tarso Negrini, Fernando Custódio, Ulisses Castro e Thassiani Porto

Edição: Gilson Piber

Edição de web: Rosana Zucolo

 

LEIA TAMBÉM

Uma resposta

  1. SENHORA HELEN CABRAL,QUE BAITA COERÊNCIA SUA, DANDO VALOR PARA EDUCAÇÃO,MAS O TEU GOVERNADOR,DO TEU PARTIDO,QUANDO MINISTRO DE EDUCAÇÃO ERA UMA COISA,GOVERMADOR,OUTRA,NÃO PAGA O PISO DOS PROFESSORES,E O SENHOR VALDECI OLIVEIRA TAMBEM VOTOU CONTRA ESTE PISO DE SALARIO DOS PROFESSORES,E A SENHORA DIZ FAZER 12 CRECHES,EDUCAÇÃO MELHOR,MAS ESTA RODEADA DE COMPANHEIROS QUE VOU DIZER QUE TIVERAM 8 ANOS PARA FAZER E FIZERAM?PARABENS PELA ULTIMA FOTO SUA COM OS COMPANHEIROA NA TV,TODOS DA FOTO TEM UMA HISTORINHA PARA CONTAR,PARABENS,ASSIM A SENHORA VAI SER ELEITA………

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CANDIDATA DO PT

Professora por profissão, natural de Uruguaiana, nascida no dia 3 de abril, 40 anos e mãe de uma filha. Militante assídua do Partido dos Trabalhadores (PT), a atual vereadora Helen Cabral é uma das candidatas para a disputa eleitoral à prefeitura de Santa Maria.

Tendo como referência política o ex-presidente Lula, o deputado Paulo Pimenta, o governador Tarso Genro, o deputado Valdeci Oliveira e o secretário Fabiano Pereira, Helen se filiou ao partido em 1989 e começou sua trajetória política como líder estudantil. Em 1984, participou do movimento “Diretas Já”, criou, como sócia-fundadora, a Cooperativa Habitacional do CPERS em 1994 e, quatro anos depois, foi eleita presidente do 2º Núcleo do CPERS. Assumiu, em 2000, a direção da Escola Estadual Walter Jobim. Em 2004, concorreu a vereadora, ficando como suplente. Em 2008, foi eleita com 4.182, sendo a mulher mais votada no município, e mais votada do PT. Entre suas conquistas como professora, está a ampliação da Escola Walter Jobim e a construção de um ginásio de esportes no local.

Helen Cabral é a candidato do PT à prefeitura de Santa Maria.

Helen Cabral foi escolhida como representante do PT em uma plenária na Câmara de Vereadores no dia 31 de março. Ela conta com apoio de grandes nomes do partido na cidade, como o deputado federal Paulo Pimenta, o deputado estadual Valdeci Oliveira e o secretário de estado de Justiça e Direitos Humanos Fabiano Pereira.

Entre as justificativas em ser a candidata, Helen defende as políticas do PT e a representação de uma imagem feminina no comando de Santa Maria. Inspirada na presidente Dilma Rousseff, afirma que é necessário trazer um olhar feminino para a política de Santa Maria. Adotando uma estratégia mais de ataque, Helen apresenta suas propostas, apontando os erros de seus oponentes.

Segundo a candidata, este é um desafio muito importante, principalmente na questão da política. Ela afirma que o fato de concorrer ao cargo sendo mulher abre portas e, que ser eleita prefeita, irá mostrar para as outras mulheres que é possível assumir, sim, cargos de maior liderança no município. Durante a disputa eleitoral, Helen irá enfrentar o atual prefeito Cezar Schirmer (PMDB), candidato à reeleição, e o deputado estadual Jorge Pozzobom (PSDB). Segundo ela, essas são as candidaturas mais fortes e serão seus adversários diretos.

Defendendo que a saúde e a educação estão em situações precárias nesta gestão, a candidata afirma que suas propostas estão diretamente ligadas a essas áreas. Ela defende que devem ser mais bem trabalhadas as políticas públicas de saúde, onde os recursos destinados pelo governo federal para o município não são investidos. Quanto à educação, afirma que o governo atual não atendeu políticas para as áreas, fazendo somente “remendos” e nada foi resolvido de forma efetiva. Conforme Helen, promessas foram feitas, como a de uma escola padrão para o município, porém nada ocorreu.

Questionada sobre os problemas de mobilidade urbana de Santa Maria, considera que a situação piorou. Para ela, não houve um planejamento e, por isso, a cidade está com estes grandes problemas. A candidata afirma que, em seu governo, haverá este planejamento, onde se buscarão soluções efetivas para o trânsito, incluindo uma política para transformar o transporte público. Quanto aos investimentos nos bairros que não se localizam na região central, deve haver uma descentralização, já que acredita que se deve trabalhar mais nestas comunidades.

Helen defende uma política mais humanista, e salienta alguns dos problemas ambientais do município. Ela cita, como exemplo, a atual revitalização da Avenida Rio Branco, que não respeitou as normas ambientais, com a poda de árvores e a colocação de concreto, impedindo o crescimento futuro destas plantas.

A candidata afirma que a cidade sofreu um retrocesso com o governo atual, e que não houve um olhar para o futuro. Helen destaca que a atual chapa defende não só as questões de gêneros, defendendo as mulheres na política, mas os interesses da cidade, mantendo uma relação direta tanto com o governo do estado quanto com o governo federal.

 

Texto e foto: Rodrigo Ricordi, Tarso Negrini, Fernando Custódio, Ulisses Castro e Thassiani Porto

Edição: Gilson Piber

Edição de web: Rosana Zucolo