Santa Maria, RS (ver mais >>)

Santa Maria, RS, Brazil

Acadêmicos de Jornalismo apresentam seus trabalhos de TFG1

Na noite de quinta-feira, 21, no salão acústico do prédio 14 do Centro Universitário Franciscano, em duas horas, seis alunos apresentaram seus trabalhos de conclusão de curso. Diversos temas foram expostos para professores e colegas. A ordem das apresentações foi na forma de sorteio. Cada apresentação teve um professor para analisar e dar sugestões e fazer consideração. Do jornalismo impresso e seus gráficos ao jornalismo digital e a forma como o campo vem sido afetado pela convergência. Os temas agradaram os professores avaliadores.

 A expectativa em apresentar o trabalho. “Posso dar continuidade a minha pesquisa com tranquilidade, pois tenho como objetivo entrar em um mestrado de Cinema e Televisão”, relata Diego Oliveira, que pesquisa a representação do jornalista no filme Pânico a partir da personagem Gale Wheters. A orientação é do professor Carlos Alberto Badke. “Achei muito bom apresentar. É um preparo para o TFG2. Além de abrir um leque novo de opções na pesquisa, porque durante ela ficamos muito focados no objetivo que acabamos não vendo outros meios para auxiliar ela. Espero concluir com êxito o TFG2 e apresentar de forma tranquila e clara”, pondera o acadêmico.

Música, jornalismo e o cinema. “Apercepção da diversidade cultural: uma leitura analítico-descritiva do documentário ‘O milagre de santa luzia’. Essa fusão de temas foi o que o acadêmico Mateus Konzen, orientado pelo professor Carlos Alberto Badke, escolheu para trabalho. O aluno contou que escolheu o tema por gostar de música, tocar acordeom e ser uma herança de família, além de ser um assunto inédito, diferente. “A apresentação é muito boa, pois, com os comentários dos professores, agora eu sei que estou no caminho certo”, diz Mateus.

A acadêmica Camila Porciúncula, orientanda do professor Antonio Fausto Neto, apresentou seu trabalho sobre o uso do Facebook pelo Diário de Santa Maria.

O whatsapp também foi tema. A aluna Priscila Martini, orientada pela professora Luciana Carvalho, apresentou seu trabalho sobre o uso do aplicativo em prol do jornalismo no jornal Extra, do Rio de Janeiro.

Luana Iensen também contou um pouco de sua experiência profissional como professora na apresentação do trabalho. “Quanto ao que era necessário para apresentar o TFG1, as expectativas foram superadas. Porém, ficam anseios para o produto final, o TFG2”, afirma Luana, que pesquisa a relação entre convergência de mídias e a educomunicação sob a orientação do professor Maurício Dias.

 “Já lia coisas desde o ano passado. Esse foi um tema que eu pesquisei muito. Está sendo muito bom para eu pesquisar o que eu gosto com a orientação do professor Fausto”, conta Fabiane Lemos. Fabiane apresentou sua pesquisa sobre o uso de infográficos no jornal impresso Zero Hora. “Como nunca tinha feito nenhum trabalho científico, tinha receio de como ia ser a oportunidade. Mas o orientador foi me acalmando e deu tudo certo”, lembra a universitária.

Ao final, a professora Sione Gomes, coordenadora do curso de Jornalismo, elogiou a apresentação dos acadêmicos e agradeceu a presença de professores e alunos.

 Por Gabriel Haesbaert e Karen Rosso para a disciplina de Jornalismo Online

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Na noite de quinta-feira, 21, no salão acústico do prédio 14 do Centro Universitário Franciscano, em duas horas, seis alunos apresentaram seus trabalhos de conclusão de curso. Diversos temas foram expostos para professores e colegas. A ordem das apresentações foi na forma de sorteio. Cada apresentação teve um professor para analisar e dar sugestões e fazer consideração. Do jornalismo impresso e seus gráficos ao jornalismo digital e a forma como o campo vem sido afetado pela convergência. Os temas agradaram os professores avaliadores.

 A expectativa em apresentar o trabalho. “Posso dar continuidade a minha pesquisa com tranquilidade, pois tenho como objetivo entrar em um mestrado de Cinema e Televisão”, relata Diego Oliveira, que pesquisa a representação do jornalista no filme Pânico a partir da personagem Gale Wheters. A orientação é do professor Carlos Alberto Badke. “Achei muito bom apresentar. É um preparo para o TFG2. Além de abrir um leque novo de opções na pesquisa, porque durante ela ficamos muito focados no objetivo que acabamos não vendo outros meios para auxiliar ela. Espero concluir com êxito o TFG2 e apresentar de forma tranquila e clara”, pondera o acadêmico.

Música, jornalismo e o cinema. “Apercepção da diversidade cultural: uma leitura analítico-descritiva do documentário ‘O milagre de santa luzia’. Essa fusão de temas foi o que o acadêmico Mateus Konzen, orientado pelo professor Carlos Alberto Badke, escolheu para trabalho. O aluno contou que escolheu o tema por gostar de música, tocar acordeom e ser uma herança de família, além de ser um assunto inédito, diferente. “A apresentação é muito boa, pois, com os comentários dos professores, agora eu sei que estou no caminho certo”, diz Mateus.

A acadêmica Camila Porciúncula, orientanda do professor Antonio Fausto Neto, apresentou seu trabalho sobre o uso do Facebook pelo Diário de Santa Maria.

O whatsapp também foi tema. A aluna Priscila Martini, orientada pela professora Luciana Carvalho, apresentou seu trabalho sobre o uso do aplicativo em prol do jornalismo no jornal Extra, do Rio de Janeiro.

Luana Iensen também contou um pouco de sua experiência profissional como professora na apresentação do trabalho. “Quanto ao que era necessário para apresentar o TFG1, as expectativas foram superadas. Porém, ficam anseios para o produto final, o TFG2”, afirma Luana, que pesquisa a relação entre convergência de mídias e a educomunicação sob a orientação do professor Maurício Dias.

 “Já lia coisas desde o ano passado. Esse foi um tema que eu pesquisei muito. Está sendo muito bom para eu pesquisar o que eu gosto com a orientação do professor Fausto”, conta Fabiane Lemos. Fabiane apresentou sua pesquisa sobre o uso de infográficos no jornal impresso Zero Hora. “Como nunca tinha feito nenhum trabalho científico, tinha receio de como ia ser a oportunidade. Mas o orientador foi me acalmando e deu tudo certo”, lembra a universitária.

Ao final, a professora Sione Gomes, coordenadora do curso de Jornalismo, elogiou a apresentação dos acadêmicos e agradeceu a presença de professores e alunos.

 Por Gabriel Haesbaert e Karen Rosso para a disciplina de Jornalismo Online