Primavera: a estação das “ites”. Saiba como se precaver.


Por Agência CentralSul de Notícias

 

Iniciou nesta segunda-feira a estação considerada a mais bonita do ano. Mas para quem é alérgico e têm problemas respiratórios, a primavera pode ser considerada a estação mais chata e prejudicial à saúde. Com essa mudança de temperatura as doenças começam a surgir, algumas relacionadas com o clima e outras com o desabrochar e a polinização das flores. As doenças mais comuns nessa época são rinites, bronquites, asma, conjuntivite alérgica, entre outras. Cerca de 20% da população sofre com alergias. 

Espirros são frequentes nessa época do ano. Foto: Reprodução

Segundo a infectologista Helen Minussi Cezimbra, o pólen das flores pelo ar aumenta as chances de crises alérgicas, por isso é melhor evitar plantas com flores dentro de casa. Elas são resultado da hipersensibilidade do organismo quando se depara com agentes que provocam uma crise de doença alérgica. Os sintomas das duas principais doenças causadas nessa época do ano são a rinite alérgica, que provoca coceira no nariz, ouvidos, olhos e céu da boca, além de espirros, coriza e narinas obstruídas.

No caso da asma, a pessoa poderá ter tosse seca, falta de ar, dor e chiado no peito. A estudante Mariana Castro, 21 anos, tem conjuntivite e disse que a doença se manifesta devido as substancias irritantes no ar. “Sinto coceira nos olhos, vermelhidão e sensibilidade à luz. É horrível”, comenta.

Separamos algumas dicas para que a primavera não seja lembrada como a “estação das doenças”, e sim, pelas belas imagens e alegria que ela transmite. Confira as dicas para precaver essas doenças:

  • Não beba e nem deixe que as crianças bebam água da torneira;
  • Lave muito bem os alimentos antes de ingeri-los;
  • Não coma comidas preparadas há muito tempo e que tenham ficado expostas em condições inadequadas;
  • Lave muito bem as mãos antes de comer e ao sair do banheiro;
  • Evite ambientes fechados e cheios de poeira;
  • Forre colchão e travesseiro com capa impermeável;
  • Retire tapetes e carpetes da casa, principalmente do quarto do paciente;
  • Mantenha sempre a casa arejada e ensolarada;
  • Não fume dentro de casa.

Para obter mais informações sobre as doenças causadas na primavera, acesse: paraquenaolhefalteoar.com

Por Carolina Busatto Teixeira, para a disciplina de Jornalismo Online

Sobre o autor:

Agência CentralSul de Notícias

Deixe um comentário

Adicione o seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode acompanhar estes comentários (assinar) via RSS.

Seu e-mail nunca será divulgado, nem compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com *